Cruzeiro

Cruzeiro vai passar por nova reformulação em 2022; 10 jogadores devem deixar o clube

Antonio Mota
Após Rafael Sobis e Ariel Cabral, Luxemburgo organiza reformulação e mais 10 jogadores devem deixar o Cruzeiro.
Após Rafael Sobis e Ariel Cabral, Luxemburgo organiza reformulação e mais 10 jogadores devem deixar o Cruzeiro. / Bruna Prado/GettyImages
facebooktwitterreddit

O Cruzeiro vai passar por uma nova e dura reformulação para a próxima temporada. Com Vanderlei Luxemburgo garantido para 2022, a Raposa iniciou os planejamentos para o ano que vem e já tem trabalhado para montar um elenco mais competitivo para a próxima corrida rumo à Série A. O clube de Minas Gerais, no entanto, vai precisar resolver algumas questões antes de ir ao mercado da bola.

Segundo informações do UOL Esporte, o Cruzeiro vai precisar se desvincular de jogadores antes de trazer novas peças para o vestiário do Mineirão. Ou seja, jogadores precisarão sair para que outros cheguem. Neste ano, a Raposa contratou 17 jogadores e, consequentemente, mesmo que tenha fechado muitos acordos sem custos de transferência, inflou sua folha salarial. Inclusive, esse foi um dos grandes problemas da Celeste no ano.

Cruzeiro Série B Atacante Z-4 Wellington Nem
Wellington Nem não vai continuar no Cruzeiro em 2022. / Gledston Tavares/FramePhoto/Gazeta Press

Até o momento, com exceção de Fábio - único jogador que tinha contrato até dezembro a acertar sua renovação -, dois jogadores deixaram o Cruzeiro: Rafael Sobis e Ariel Cabral. A dupla puxou a fila e outros devem seguir o mesmo caminho. A tendência é que ao menos 10 jogadores deixam o clube em breve: os laterais Norberto e Jean Victor, os zagueiros Rhodolfo e Léo Santos, os volantes Flávio e Giovanni, além dos atacantes Wellington Nem, Dudu, Keké e Felipe Augusto.

"Terminou a temporada, já sabemos quem fica e quem sai, já passamos para a diretoria. Os jogadores sabem disso. Em entrevista nenhuma falei quem sai ou quem fica porque não tinha que falar, tinha um último jogo. E o mercado é muito ávido, muito rápido de informação e não queria que fosse dessa forma. Até porque tinha jogador buscando o seu espaço até o último jogo", frisou Luxemburgo, em entrevista após o término da Série B.  

Vale notar que, dos dez jogadores que tendem a deixar o Cruzeiro em breve, sete foram contratados em uma única semana neste ano. À época, o clube de BH quis se reforçar ao máximo antes do iminente “transfer ban” da Fifa.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit