Brasileiro Série B

Tradição, história e momento: Série B de 2021 tem tudo para ser a mais difícil de todos os tempos

Antonio Mota
Feb 18, 2021, 12:34 PM GMT-3
Com quatro campeões da Série B já garantidos (e outros dois ameaçando chegar), Série B de 2021 vai ser muito difícil para todos.
Com quatro campeões da Série B já garantidos (e outros dois ameaçando chegar), Série B de 2021 vai ser muito difícil para todos. / Bruna Prado/Getty Images
facebooktwitterreddit

A Série B do Campeonato Brasileiro de 2021 vai ser uma loucura – os principais candidatos ao acesso e ao descenso que abram bem os olhos. Com Coritiba e Botafogo já garantidos, e Bahia, Vasco e Goiás brigando pelas últimas duas vagas restantes, além do Cruzeiro que não subiu em 2020, a Segundona tem elementos de sobra para ser uma das mais complicadas e difíceis de todos os tempos.  

Até o momento, a Segunda Divisão tem 18 times garantidos, sendo: Cruzeiro, Guarani, CSA, Sampaio Corrêa, Ponte Preta, Operário-PR, Avaí, CRB, Brasil de Pelotas, Vitória, Confiança e Náutico, que permaneceram na Série B.  Vila Nova-GO, Remo, Londrina e Brusque, que subiram da Série C. Além, claro, do Botafogo e do Coritiba, que caíram da Série A. Restam duas vagas, as quais ficarão para Bahia, Vasco ou Goiás – o Sport também é um candidato, mas tem poucas chances.

A Série B 2021 vai pegar fogo.
A Série B 2021 vai pegar fogo. / Miguel Schincariol/Getty Images

Portanto, a Série B de 2021 já tem quatro campeões da elite brasileira (Série A): o Glorioso (1968 e 1995), o Coxa (1985), a Raposa (1966, 2003, 2013 e 2014) e o Guarani (1978). E pode receber mais dois: o Esquadrão de Aço (1959) e o Gigante da Colina (1974, 1989, 1997 e 2000). Vale notar que a 2ª Divisão nunca contou com cinco campeões brasileiros em uma mesma edição, ou seja, um novo recorde tende a ser estabelecido na competição neste ano.  

Com os campeões da elite, a Segundona vai ter mais tradição e história do que nunca, além de jogadores relativamente mais renomados, estruturas mais modernas, estádios maiores, mais holofotes e muito mais. E sem falar nas outras equipes que também estão se preparando e que vêm fazendo bons trabalhos nos últimos anos, como o CSA, o Sampaio Corrêa, a Ponte Preta e o Operário-PR – todos os quatro brigaram pelo acesso na temporada passada.
 
Desta forma, observando que o nível da Série B vem crescendo nos últimos anos e que 2021 reuniu uma série de campeões e bons clubes, é certo afirmar que a próxima edição da Segundona – a qual vai começar no dia 29 de maior e terminar no final de novembro – tem tudo para ser a mais disputada de todos os tempos, o que é bom para o futebol do país como um todo.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit