Seleção Brasileira

Tite pede desculpas após polêmica em jogo da Seleção Brasileira na altitude: "Infeliz"

Antonio Mota
Tite comanda a Seleção Brasileira desde junho de 2016
Tite comanda a Seleção Brasileira desde junho de 2016 / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

O técnico Tite convocou, nesta quarta-feira (11), os jogadores que representarão a Seleção Brasileira em ao menos dois amistosos na próxima Data Fifa, em junho – contra Coreia do Sul e Japão, nos dias 2 e 6, respectivamente, e provavelmente um país da África. Em entrevista coletiva, o treinador respondeu jornalistas e falou sobre diversos assuntos, inclusive sobre polêmica de tempos atrás acerca da altitude na partida contra a Bolívia pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar.

Na ocasião, no final de março, Tite comentou sobre o embate frente à La Verde, em La Paz, e julgou que não seria possível o Brasil jogar de forma tão vertical diante da altitude de 3.600m acima do nível do mar. “A gente sempre tem uma expectativa, independentemente das adversidades colocadas. Não vai ter um time tão vertical como temos sido nos últimos jogos porque não permite, é desumano, não há essa condição, alegou o treinador.

Tite Brasil Seleção Bolivia Data Fifa
Tite pediu desculpas por colocar altitude como algo “desumano” / Buda Mendes/GettyImages

A declaração do comandante da Seleção, porém, não foi bem vista por todos. Ídolo na Bolívia, Marco Etcheverry, ou “El Diablo”, revelou não ter gostado das afirmações de Tite e até chamou o técnico de covarde. "Não quero dizer outras palavras porque pensarão que são discriminatórias, mas me parece que Tite é um covarde. Ficar falando de altitude quando eles já estão classificados para a Copa... me parece muito covarde. Isso me incomodou muito. É um covarde", criticou.

É válido lembrar que o Brasil venceu a Bolívia por 4 a 0, mesmo em La Paz, pela última rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo. Com o resultado, o pelotão de Tite quebrou umamarca história na competição e se isolou ainda mais na liderança da corrida da zona para o Catar.

Agora, antes mesmo de iniciar a convocação, o técnico Tite falou sobre a polêmica e pediu desculpas a César Farías, Marcelo Moreno e esportistas bolivianos pela declaração sobre a altitude ser “desumana”. O treinador afirmou que errou e que não quis soar desrespeitoso, falando ainda em infelicidade na escolha da palavra. “O contexto todo era de situações físicas, técnico e táticas que a altitude retira de uma performance e não das relações humanas”, garantiu.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit