Técnico do Manchester United afirma que Cristiano Ronaldo teve atitude "inaceitável" e crava: “Há consequências”

Antonio Mota
Fora do clássico, CR7 está afastado por tempo indeterminado e deve ser multado pelos Red Devils
Fora do clássico, CR7 está afastado por tempo indeterminado e deve ser multado pelos Red Devils / ADRIAN DENNIS/GettyImages
facebooktwitterreddit

Menos de 24 horas após o Manchester United anunciar o afastamento de Cristiano Ronaldo, o técnico Erik ten Hag participou de entrevista coletiva nesta sexta-feira (21) e reforçou que o camisa 7 não será sequer relacionado para a partida do final de semana. Os Red Devils enfrentam o Chelsea neste sábado (22) pela Premier League.

"Eu disse que era inaceitável, mas ele não foi o único. Aquilo era para todos. Quando é a segunda vez há consequências. É o que fizemos. É uma perda para todos nós do elenco, mas acho que é importante para a atitude e a mentalidade do grupo."

Erik Ten Hag, técnico, Manchester United

Em coletiva, Ten Hag confirmou que Ronaldo se recusou a entrar em campo na rodada passada do Campeonato Inglês – na vitória por 2 a 0 sobre o Tottenham, em Old Trafford – e disse que precisou agir. “Sim (ele se recusou a entrar). O que falamos é entre Cristiano e eu. O comunicado é claro, eu acho”, iniciou, falando que a decisão foi tomada por já ser reincidente.

Antes disso, o português também se recusou a enfrentar o Rayo Vallecano em amistoso de pré-temporada. Além disso, o camisa 7 deixou o banco de reservas antes do término do jogo contra os Spurs e o Manchester United afastou o atacante do compromisso deste final de semana. A imprensa inglesa ainda cita que a punição é por duas semanas e que ele foi multado em 1 milhão de libras (cerca de R$ 5,8 milhões).

Cristiano Ronaldo, atacante do Manchester United
Cristiano Ronaldo foi titular em seis dos 12 jogos pelo United nesta temporada / OLI SCARFF/GettyImages

O treinador do Manchester United falou que Cristiano Ronaldo continua sendo uma “parte importante do elenco” e comentou sobre como vai lidar com essa situação. “Eu sou o técnico, sou o responsável pela cultura esportiva aqui e tenho que determinar padrões e valores e controlá-los. Estamos em um time, então temos padrões. Penso que haverá reflexão dele, mas também de todos”, encerrou.

Sem Cristiano Ronaldo, que se manifestou sobre o imbróglio em redes sociais, o Manchester United enfrenta o Chelsea em Stamford Bridge, às 12h (de Brasília) deste sábado (22), pela 12ª rodada da Premier League.

facebooktwitterreddit