Sampaoli muda tom sobre reforços e foca em preparação do Galo, mas não esconde: ‘Se vier alguém para somar, melhor’

Jorge Sampaoli
Sampaoli não 'recusa' contratações, mas reforça: “Devo seguir trabalhando com estes jogadores”. | Pedro Vilela/Getty Images

Embora continue rotineiramente pedindo reforços à diretoria do Atlético-MG, que tem trabalhado para lhe atender, Jorge Sampaoli modulou seu discurso público e agora parece estar mais focado em fazer com que o elenco que tem em mãos entenda a sua filosofia e proposta de jogo.  

Em entrevista após o empate com o Fluminense, no Mineirão, na noite de ontem (14), pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, o treinador respondeu ao questionamento sobre a necessidade de o time seguir no mercado e não negou que aceitaria novas peças, mas que agora é trabalhar com o que tem.

Jorge Sampaoli
Sampaoli diz que foco agora é trabalhar com “estes jogadores”, mas não esconde se vier alguém para somar ‘melhor’. | Pedro Vilela/Getty Images

“Somente seguir tentando que o time tenha esta intenção (de atacar). Dessa forma, pode-se ganhar ou perder. Mas a intenção do segundo tempo é o que me deixa feliz. É um resultado que me parece injusto, pelo que fez a equipe e pelas situações criadas em comparação com o rival”, iniciou.

Houve muita diferença no global. Mas não, não... Hoje, devo seguir trabalhando com estes jogadores. Se vem algum que possa somar, muito melhor.

completou Sampaoli.

Apesar do tom mais moderado, o Galo de Sampaoli continua no mercado e deve trazer novos reforços. O primeiro deles deve ser o meio-campista Matías Zaracho, do Racing-ARG, que deve custar 6 milhões de dólares (R$ 33,6 milhões). Além dele, o time ainda espera contratar um atacante de velocidade.

As informações acima são do SuperEsportes.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.