Brasileirao Série A

Os números que comprovam que Ganso foi o destaque da 26ª rodada do Brasileirão

Lucas Humberto
Grande exibição do meia no Maracanã contribuiu diretamente para a mais recente vitória do Fluminense
Grande exibição do meia no Maracanã contribuiu diretamente para a mais recente vitória do Fluminense / Ricardo Moreira/GettyImages
facebooktwitterreddit

Entre placares magros e empates amargos, a 26ª rodada do Campeonato Brasileiro não foi exatamente generosa para muitos torcedores. Mas há sempre as exceções. É o caso do Fluminense. Em casa, o Tricolor das Laranjeiras flertou com o perigo mais vezes do que a torcida gostaria, mas conseguiu vencer o Fortaleza com autoridade.

Germán Cano (duas vezes) e Thiago Galhardo, pelos visitantes, construíram a parcial de 2 a 1. A retomada das boas atuações do centroavante, vale ressaltar, pode ser determinante pensando no compromisso seguinte dos cariocas: volta da semifinal da Copa do Brasil, contra o Corinthians, na Neo Química Arena. Com os tentos, o argentino encerrou um jejum de quatro partidas sem marcar.

Germán Cano, centroavante do Fluminense
Cano voltou a fazer o 'L' / Andre Borges/GettyImages

Mas quem brilhou mesmo foi Paulo Henrique Ganso. Se recuperando de um início complicado, com erros de passes incomuns, o meia encontrou sua melhor versão. Além da assistência para o primeiro gol de Cano, o camisa 10 emplacou ótimos lançamentos, lindas arrancadas e dribles que levaram o torcedor presente no Maracanã ao delírio.

Segundo informações estatísticas do SofaScore, Ganso teve eficiência de 87% nos passes, concluiu com sucesso cinco de seis dribles, venceu sete dos 10 duelos disputados no solo, deu três passes-chaves e ainda contribuiu com três interceptações. Se o meia repetir a atuação de gala na quinta-feira, 15, o Timão estará em apuros. Ele sabe decidir...

Leia também:

facebooktwitterreddit