Futebol Internacional

Os hat-tricks que movimentaram a atual edição da Champions League

Vitor Beloti
Lewandowski comandou a goleada sobre o Benfica de Jorge Jesus e assumiu a artilharia da competição
Lewandowski comandou a goleada sobre o Benfica de Jorge Jesus e assumiu a artilharia da competição / Boris Streubel/GettyImages
facebooktwitterreddit

A Champions League é considerada uma das maiores competições entre clubes do mundo. Os astros do futebol europeu impressionam pela intensidade, repertório tático e técnico, e um dos momentos mais impactantes é quando o mesmo jogador anota três gols em uma partida, o chamado hat-trick.

Candidato a melhor jogador da temporada, o polonês Robert Lewandowski entrou para esse grupo seleto de goleadores nesta terça-feira (2), quando enfrentou o Benfica na Allianz Arena, em Munique, e o Bayern de Munique venceu por 5 a 2.

1. Robert Lewandowski

22 gols e duas assistências em 16 jogos. No dia em que completou 100 jogos na história da Champions League, Lewa chegou a 81 gols e ajudou o atual campeão da Bundesliga a carimbar a vaga para o mata-mata do torneio com duas rodadas de antecedência. O show ainda colocou o polonês no topo da artilharia, com oito gols.

2. Christopher Nkunku

Christopher Nkunku
Christopher Nkunku marcou três, mas não evitou a derrota do RB Leipzig / Marc Atkins/GettyImages

O goleiro Ederson deve ter pesadelo quando houve o nome de Nkunku, já que o francês de 23 anos deu trabalho ao brasileiro naquele que já é um dos confrontos mais marcantes da Champions League principalmente pelo placar final: 6 a 3 para o Manchester City. É isso mesmo: o atacante balançou a rede aos 42, 51 e 73 minutos, mas o RB Leipzig encontrou dificuldades para frear o potencial ofensivo da equipe comandada por Pep Guardiola e deixou a Inglaterra sem nenhum ponto na bagagem.

3. Eran Zahavi

Champions League qualifier"PSV Eindhoven v Galatasaray SK"
Zahavi acabou com o sonho do Galatasaray / ANP Sport/GettyImages

O PSV não passou para a fase de grupos da Champions League, mas Zahavi deixou sua marca ainda na eliminatória da competição e fazer três gols contra o Galatasaray. O jogo de ida na Holanda foi 2 a 1, mas o israelense chamou a responsabilidade e em menos de dois minutos abriu o caminho para a goleada por 5 a 1, depois marcou mais duas vezes e Mario Götze completou a festa. A alegria durou pouco: na fase seguinte a equipe foi eliminada pelo Benfica em um confronto apertado - empatou por 0 a 0 em casa e perdeu por 2 a 1 em Portugal.

4. Myrto Uzuni

Myrto Uzuni
Ferencváros não deu chances ao Prishtina e construiu 6 a 1 no placar agregado / Istvan Derencsenyi/GettyImages

A equipe do Ferencváros é mais uma que não chegou à fase de grupos da Champions League, mas cravou seu nome na história da competição principalmente porque o albanês Uzuni estufou as redes triplamente diante do Prishtina, do Kosovo. O clube húngaro foi eliminado pelo Young Boys na última etapa antes da fase de grupos, após duas derrotas por 3 a 2.

A chuva de gols na Champions League também inclui um personagem importante: o franco-marfinense Sébastien Haller teve uma estreia de gala pelo Ajax. Logo de cara ele marcou não apenas três, mas quatro gols e o clube holandês goleou o Sporting em Portugal por 5 a 1. Neste caso o termo usado para quem balança a rede quatro vezes é "poker".

Dutch Eredivisie"Ajax Amsterdam v PSV Eindhoven"
Haller tem 27 anos e foi revelado no Auxerre, da França / ANP Sport/GettyImages
facebooktwitterreddit