Opinião

Os 4 heróis do título da França na UEFA Nations League

Nathália Almeida
França venceu a Espanha por 2 a 1 no San Siro
França venceu a Espanha por 2 a 1 no San Siro / Mike Hewitt/GettyImages
facebooktwitterreddit

Campeã do mundo em 2018 e apontada por muitos como a melhor seleção da atualidade, a França precisou suar muito a camisa na tarde deste domingo (10), no Estádio San Siro, para conseguir bater a rejuvenescida Espanha de Luís Enrique na grande decisão da UEFA Nations League.

Vivendo sua segunda edição, o torneio europeu de seleções contou com semifinais de alto nível e uma final eletrizante, especialmente nos 45 minutos finais, quando franceses e espanhóis soltaram o jogo e buscaram o gol incessantemente. No fim das contas, melhor para a experiência e qualidade individual dos Bleus, prevalecendo sobre a juventude da Fúria.

A seguir, elencamos os 4 heróis do título francês:


1. Karim Benzema

FBL-EUR-NATIONS-ESP-FRA
Benzema brilhou em seu retorno / FRANCK FIFE/GettyImages

Voltando a figurar entre os convocados da FFF, Karim Benzema foi o grande nome de sua seleção nesta grande final. Incansável, perturbou a defesa da Fúria o tempo inteiro, distribuiu belos passes e anotou um gol antológico que igualou o placar minutos depois da Espanha sair na frente.

2. Kylian Mbappé

Kylian Mbappe
Mbappé anotou o gol da virada / CPS Images/GettyImages

Depois de liderar a França à virada contra a Bélgica - sendo o grande nome da semifinal -, Kylian Mbappé voltou a balançar as redes hoje, marcando o gol do título dos Bleus. Se movimentou demais, correu muito e terminou a partida extenuado pela dedicação defensiva.

Além disso, foi o grande artilheiro de sua seleção no torneio.

3. Hugo Lloris

Hugo Lloris
Lloris fez defesas espetaculares na decisão / Soccrates Images/GettyImages

Visto por muitos como um goleiro irregular e que não passa confiança, Hugo Lloris provou, nesta noite, que merece mais respeito. Fez ao menos 3 defesas espetaculares na reta final da partida contra a Espanha, impedindo o empate rival. Esteve em grande nível durante todo o torneio.

4. Théo Hernández

Theo Hernandez
Theo se destacou demais no apoio / Soccrates Images/GettyImages

Depois de muita cobrança do torcedor francês em prol de sua convocação, o lateral-esquerdo do Milan recebeu sua oportunidade e correspondeu. Muito forte no apoio, fez uma espetacular reta final de Nations, com belas atuações contra Bélgica e Espanha. Um gol, uma bola na trave e muitas oportunidades criadas a partir de suas jogadas arrojadas.

facebooktwitterreddit