Flamengo

Os 3 principais erros de Renato na derrota no Fla-Flu

Vitor Beloti
Renato Gaúcho não foi bem no clássico Fla-Flu.
Renato Gaúcho não foi bem no clássico Fla-Flu. / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

Na noite do último sábado (23), Fluminense e Flamengo se enfrentaram no estádio do Maracanã, pela vigésima oitava rodada do Brasileirão, e o Tricolor das Laranjeiras saiu vitorioso pelo placar de 3 a 1. Pelo lado tricolor, o garoto John Kennedy, duas vezes, e Abel Hernández foram os autores dos gols, enquanto Renê foi o marcador do Rubro-negro.

Além do jovem atacante John Kennedy, que marcou duas vezes diante de seu rival, o clássico também foi marcado por outro nome, mas dessa vez pelo lado negativo: Renato Gaúcho. O técnico não teve uma noite feliz contra o Fluminense e esse foi um dos principais problemas para a equipe rubro-negra sair com a derrota do Maracanã.

Por conta disso, listamos os 3 principais erros de Renato na derrota no Fla-Flu.

1. Escalação inicial

Andreas Pereira
Andreas Pereira não atuou bem na posição de Arrascaeta. / Buda Mendes/GettyImages

O Flamengo convive com muitos problemas para escalar seus principais jogadores em campo. Renato Gaúcho tinha a ausência de Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol diante do rival Fluminense, e foi preciso encontrar alguma maneira da equipe conseguir criar as jogadas para fazer o gol.

No entanto, o treinador não foi bem ao escalar a equipe com Andreas Pereira na posição do Arrascaeta, pelo fato de que o jogador já demonstrou há alguns jogos que não consegue atuar nessa faixa de campo, além de colocar o jovem Vitor Gabriel desde início, em vez de escalar Vitinho ou Kenedy como titulares.

2. Substituições durante o confronto

Everton Ribeiro, Jhon Arias
Everton Ribeiro foi deslocado para jogar de segundo volante durante a partida. / Buda Mendes/GettyImages

Renato Gaúcho não tinha escalado da maneira correta a equipe do Flamengo, e piorou de vez quando decidiu substituir. O treinador tirou de campo Thiago Maia - entrou Kenedy -, e desmontou o setor de meio de campo, já que Everton Ribeiro e Andreas Pereira foram as únicas opções que sobraram para atuar nesta faixa, e, consequentemente, a marcação ficou muito frouxa no combate para recuperar a posse da bola.

Além disso, o técnico colocou Willian Arão nos minutos finais da partida na posição de Andreas Pereira para corrigir o erro das últimas alterações, e perdeu um grande jogador que poderia anotar um gol através de uma cobrança de falta. Mais um erro na conta do Renato Gaúcho.

3. Organização dentro de campo

Vitor Gabriel, Yago, David Braz
Vitor Gabriel não foi bem no clássico. / Buda Mendes/GettyImages

Por fim, não podemos deixar de falar sobre a falta de organização da equipe rubro-negra no duelo. Durante os 90 minutos, o Flamengo demonstrou uma má compactação entre os jogadores, seja ofensivamente e defensivamente, e foi um dos aspectos principais para o péssimo desempenho dos atletas do Flamengo e da grande superioridade do Fluminense no clássico.

facebooktwitterreddit