Flamengo x Corinthians: quem pode sair do banco de reservas para decidir a Copa do Brasil

Lucas Humberto
Rubro-Negro e Timão têm trunfos no banco de reservas
Rubro-Negro e Timão têm trunfos no banco de reservas / Ricardo Moreira/GettyImages
facebooktwitterreddit

A hora da verdade chegou. Nesta quarta-feira (19), Flamengo e Corinthians escrevem mais um capítulo de um dos clássicos interestaduais mais empolgantes do país. No Maracanã, os velhos rivais decidem a Copa do Brasil 2022. Na ida, disputada em São Paulo, o empate sem gols deixou o duelo derradeiro com requintes de final única.

Foram 90 minutos. Restam outros 90. Em termos de escalação, há poucas surpresas possíveis. Dorival Júnior deve mandar a campo o conhecido Time das Copas, com Vidal no lugar do suspenso João Gomes. Do lado alvinegro, Vítor Pereira até insiste no mistério, mas os pilares do Timão são para lá de conhecidos.

Isso, claro, não anula a possibilidade dos ditos heróis improváveis surgirem, afinal, os comandantes certamente farão o possível para vencer. Quem vem do banco, neste caso, é tão importante quanto aqueles que iniciam o confronto. E é sobre as potenciais alternativas de cariocas e paulistas que nós trataremos a seguir.


Flamengo: quem começa no banco e pode decidir

Everton Cebolinha, atacante do Flamengo
Cebolinha foi às redes na vitória rubro-negra diante do Galo / Wagner Meier/GettyImages

No último sábado, 15, o Flamengo contou com gol solitário de Everton Cebolinha para vencer o Atlético-MG, pelo Brasileirão. Com potencial para ser titular em vários clubes da Série A, o ponta não está entre os absolutos de Dorival, mas costuma ser uma das principais soluções na reserva. Até aqui, o camisa 11 disputou 23 partidas, sendo 10 como titular, anotou dois gols e deu três assistências.

Também no último terço, Marinho desponta como alternativa. Em 28 oportunidades - excluindo o Carioca -, sendo 14 como titular, o ponta contribuiu com cinco gols e cinco assistências. No meio, o promissor Victor Hugo, de 18 anos, ainda luta para conquistar seu espaço no elenco. Na Copa do Brasil, ele precisou de apenas 90 minutos contra o Altos-PI para encontrar o caminho das redes.


Corinthians: quem começa no banco e pode decidir

Giuliano, meia do Corinthians
Giuliano em ação contra o Flamengo / Wagner Meier/GettyImages

Adson ou Gustavo Mosquito: quem será escalado por Vítor Pereira na ponta direita? Neste artigo, nós destrinchamos o desempenho tático e estatístico de cada um dos atacantes, bem como seus pontos fortes e fracos. Mas, ao contrário de Dorival, o comandante luso tem os meio-campistas enquanto principais trunfos saindo do banco.

Giuliano, por exemplo, não é absoluto, mas disputou de 44 confrontos pelo Timão, excluindo o Paulista, sendo 22 como titular. Ele marcou cinco gols e deu quatro assistências. Maycon, emprestado pelo Shakhtar Donetsk, perdeu parte da temporada por lesão, mas está certamente entre os mais talentosos meias do plantel alvinegro.

Por fim, Ramiro e Mateus Vital, que retornaram de empréstimo no meio do ano, chegam à decisão como espécie de "cartadas finais". Ambos foram acionados pelo treinador no segundo tempo da partida de ida e podem novamente ser mandados a campo. Ex-Vasco da Gama, o camisa 21 também costuma atuar na ponta.

facebooktwitterreddit