Brasileirao Série A

Debaixo d'água, Juventude vence o Fluminense e deixa o Z-4; jogo acumulou recordes no Brasileirão 2022

Antonio Mota
Juventude supera gramado encharcado, vence o Fluminense e deixa o Z-4 do Campeonato Brasileiro. Tricolor segue no meio da tabela.
Juventude supera gramado encharcado, vence o Fluminense e deixa o Z-4 do Campeonato Brasileiro. Tricolor segue no meio da tabela. / Silvio Avila/GettyImages
facebooktwitterreddit

Mais um jogo polêmico em Caixas do Sul. Neste domingo (5), o Juventude venceu o Fluminense por 1 a 0, no Alfredo Jaconi, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Em campo ensopado e de condições desfavoráveis a prática do jogo, o clube do Sul conseguiu ir às redes com gol contra de Luccas Claro e somou três pontos para deixar o Z-4. O Flu estagnou no meio da tabela.

Dentro das quatro linhas, o Alviverde e o Tricolor encontraram dificuldades para construir lances mais efetivos e a bola pouco rolou. Os mandantes, porém, se adaptaram melhor ao longo do jogo e conquistaram o triunfo em meio às péssimas condições do gramado. O único gol da partida saiu de atrapalhada da zaga do Flu, que, no fim, viu Luccas Claro empurrar para o fundo das redes.

A dificuldade para a criação do jogo, destacada por PH Ganso, ficou comprovada em números. Conforme dados do Footstats, o confronto entre Juventude e Fluminense registrou os seguintes recordes desta edição da Série A: jogo com menos passes trocados (276), com a menor taxa de acerto de passes (62%) e mais rebatidas (196, sendo 118 do Juve e 78 do Flu).

Com o resultado, o Juventude chegou aos 10 pontos e deixou ao menos momentaneamente a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O Fluminense, por sua vez, parou nos 11 pontos e na 11ª colocação.

facebooktwitterreddit