Copa Libertadores

Como foi a melhor estreia do Fluminense em Copa Libertadores?

Antonio Mota
Fred marcou nas últimas três estreias do Fluminense na Libertadores.
Fred marcou nas últimas três estreias do Fluminense na Libertadores. / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

Pela Glória Eterna! Em plena forma neste início de temporada, o Fluminense se prepara para mais uma edição de Conmebol Libertadores. Neste ano, o Tricolor das Laranjeiras vai participar da principal copa da América do Sul pela oitava vez e, às vésperas da estreia, tem um motivo extra para encorajá-lo: o clube jamais perdeu na largada da competição continental.

Até aqui, o Flu disputou a Libertadores em 1971, 1985, 2008, 2011, 2012, 2013 e em 2021 – nunca na fase prévia. Nestes anos, o time saiu invicto nas estreias, acumulando três vitórias e quatro empates – o mais recente aconteceu no ano passado, quando ficou no 1 a 1 com o River Plate, da Argentina. Mas, no fim das contas, qual foi a melhor estreia do Fluminense em Libertadores?  

A melhor estreia do Fluminense na Conmebol Libertadores foi justamente na primeira participação do clube no torneio, em 1971, quando venceu o Palmeiras por 2 a 0, em São Paulo. Na ocasião, o tradicional clube do Rio de Janeiro, que conquistou o Campeonato Brasileiro no ano anterior pela primeira vez, começou bem na copa, mas não decolou e acabou eliminado antes do mata-mata.

Além do Alviverde, o Time de Guerreiros também encarou o Deportivo Itália e o Deportivo Galícia, ambos da Venezuela, no Grupo 3. O time ficou em segundo, atrás do Palmeiras, e acabou eliminado, já que, na época, apenas o melhor da chave avançava.

Há 51 anos, na estreia da Libertadores de 1971, o Fluminense foi a campo com: Félix; Oliveira, Galhardo, Assis, Toninho; Denílson, Didi, Cafuringa; Samarone, Flávio e Lula. O técnico era o lendário Mário Jorge Lobo Zagallo e os tentos da partida foram anotados por Flávio.  

DAS OUTRAS ESTREIAS

O Fluminense, como destacado acima, nunca perdeu em uma estreia de Libertadores. Em 1971, o Flu venceu o Palmeiras – melhor estreia. Já em 1985, empatou em 3 a 3 com o arquirrival Vasco. O tempo passou, mas a tradição não “morreu”, e 23 anos depois, em 2008, o Tricolor voltou ao principal palco do futebol continental e empatou com a LDU, em pleno Equador, por 0 a 0.

Três anos depois, em 2011, o Fluminense encarou o Argentinos Juniors na estreia da Libertadores e não conseguiu os três pontos: empatou em 2 a 2 – gols marcados por Rafael Moura. Já no ano seguinte, venceu o Arsenal de Sarandi por 1 a 0 e, em 2013, o Caracas pelo mesmo placar – ambas com gol de Fred. O histórico atacante, aliás, também marcou o único gol do Flu na estreia contra o River Plate, no ano passado.  

Os resultados das estreias do Fluminense na Libertadores

1971: Fluminense 2x0 Palmeiras

1985: Fluminense 3x3 Vasco

2008: LDU 0x0 Fluminense

2011: Fluminense 2x2 Argentino Juniors

2012: Fluminense 1x0 Arsenal-ARG

2013: Caracas 0x1 Fluminense

2021: Fluminense 1x1 River Plate

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit