Futebol brasileiro

Após derrota no clássico goiano, Atlético-GO anuncia demissão de técnico Jorginho

Nathália Almeida
Jorginho foi demitido na noite deste sábado, após derrota para o Goiás
Jorginho foi demitido na noite deste sábado, após derrota para o Goiás / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

Mais uma demissão no futebol brasileiro, mais uma ruptura de trabalho em curso na Série A. Poucas horas depois do encerramento do clássico goiano no Estádio da Serrinha - duelo que terminou com vitória do Goiás por 2 a 1 -, o Atlético Goianiense utilizou suas plataformas oficiais e redes sociais para comunicar a demissão do técnico Jorginho.

Contratado no dia 16 de maio deste ano, Jorginho convivia com fortes críticas há longos meses em virtude da péssima campanha do Dragão no Brasileiro, mas os bons resultados nas Copas vinham assegurando sua permanência no cargo. Contudo, a recente eliminação na Copa do Brasil e a falta de resposta da equipe no Brasileirão - onde ocupa a vice-lanterna de momento, com apenas 22 pontos -, acabaram culminando na decisão da diretoria em demitir o comandante.

Desta forma, Jorginho se despede do Atlético-GO após 27 partidas disputadas, com 10 vitórias, seis empates e 11 derrotas. Vale lembrar que a equipe goiana está classificada às semifinais da Copa Sul-Americana, onde enfrentará o São Paulo.

Confira, na íntegra, a nota oficial do Dragão:

"O Atlético Clube Goianiense informa a saída do técnico Jorginho. Agradecemos o profissional pelo período de trabalho no clube, onde mostrou ter grande caráter, deixando um legado positivo de respeito e profissionalismo. O Atlético atravessa um momento difícil no ano, com a necessidade de achar alternativas para sair desta situação. A responsabilidade pelos maus resultados é de todos, mas o clube buscará se reerguer o quanto antes. O Atlético Goianiense tem como prioridades a disputa do Brasileirão Série A e a semifinal da CONMEBOL Sudamericana"

facebooktwitterreddit