Listas

6 grandes talentos que saíram do Porto e hoje atuam em potências da Europa

Nathália Almeida
Luis Díaz se destacou no Porto antes de rumar ao Liverpool
Luis Díaz se destacou no Porto antes de rumar ao Liverpool / Laurence Griffiths/GettyImages
facebooktwitterreddit

Campeão nacional com louros na temporada passada, o Porto começa a ver sua excelente geração partindo caminhos e buscando outros desafios no Velho Continente. Um dos destaques da vitoriosa campanha portista, o meia Vitinha, de apenas 22 anos de idade, tem negociações avançadas com o PSG e deve ser anunciado em breve pelo atual vencedor da Ligue 1 e grande potência do futebol francês. E esta não é única saída prevista no atual elenco do clube do Dragão.

Habituado a negociar jogadores - precisa desta receita para seguir operando -, o Porto, ao longo dos últimos anos, se despediu de alguns nomes de muita qualidade. A seguir, elencamos 6 grandes talentos que saíram do Porto e hoje atuam em potências da Europa. Confira:


1. Alex Sandro

International Friendly - "Fortuna Sittard v FC Porto"
Alex Sandro trocou o Porto pela Juventus em 2015 / VI-Images/GettyImages

Revelado nas categorias de base do Athletico-PR, o brasileiro Alex Sandro teve o Porto como seu primeiro grande clube na Europa. O clube português fechou sua contratação por € 9,6 milhões em 2011, e faturou quase o triplo com sua venda, quatro anos depois, à Juventus.

Hoje, aos 31 anos de idade, o lateral-esquerdo segue defendendo a camisa da Velha Senhora.

2. André Silva

Estoril Praia v FC Porto - Primeira Liga
André Silva tornou-se um ótimo centroavante / Carlos Rodrigues/GettyImages

Fruto da base portista, André Silva foi promovido ao time principal azul e branco em 2016 e precisou de apenas uma temporada para entrar no radar de gigantes europeus. No verão seguinte, o Milan fechou sua contratação por € 38 milhões.

Não se firmou com a camisa rossonera e acabou acumulando empréstimos, reencontrando o bom futebol somente na Bundesliga, pelo Eintracht. Hoje, aos 26 anos, o centroavante defende o RB Leipzig.

3. Diogo Dalot

Diogo Dalot
Dalot é um talento que ainda não atingiu seu auge / Robbie Jay Barratt - AMA/GettyImages

Assim como André Silva, o lateral Diogo Dalot é cria da base do Porto. Ele, no entanto, teve apenas seis meses como jogador profissional do clube do Dragão antes de se transferir a um mercado maior: em julho de 2018, foi contratado pelo Manchester United por € 22 milhões.

Ainda não atingiu o máximo de seu verdadeiro potencial, ainda tentando se firmar na Premier League e como alternativa à seleção portuguesa. De todo modo, é um talento bruto, mais um que o Porto "apresentou" ao mundo.

4. Éder Militão

Eder Militao
Militão foi muito bem no Porto e acabou rumando ao Real / Matthew Ashton - AMA/GettyImages

Formado nas categorias de base do São Paulo, o brasileiro Éder Militão é, até os dias de hoje, a venda mais cara da história do Porto. Contratado em agosto de 2018 por apenas € 7 milhões - venda baixa que faz o torcedor tricolor ter calafrios até hoje -, o defensor atuou por apenas uma temporada no Dragão antes de ser vendido ao Real Madrid por incríveis € 50 milhões.

Atualmente, o zagueiro de 24 anos é titular absoluto do clube merengue e figurinha carimbada nas convocações de Tite para a Seleção Brasileira.

5. Luis Díaz

Luis Diaz
Díaz marcou época com a camisa dos Dragões / Quality Sport Images/GettyImages

Contratado pelo Porto em julho de 2019 junto ao Junior Barranquilla, da Colômbia, o ponta Luis Díaz tornou-se objeto de desejo de meia Europa após um início altamente explosivo de temporada 2021/22 pelo clube do Dragão. Fundamental no primeiro semestre do time, acabou sendo comprado pelo Liverpool na janela de transferências de inverno.

Custou originalmente € 7,2 milhões aos cofres portistas e saiu aos Reds por € 47 milhões. Tem sido um dos destaques do time de Klopp.

6. Fábio Vieira

Fabio Vieira
Fabio Vieira foi negociado ao Arsenal nesta janela / Quality Sport Images/GettyImages

Fechamos essa lista com a venda mais recente já confirmada pelo Porto. Meio-campista cerebral e exímio passador, Fábio Vieira, que terminou a temporada 2021/22 com sete gols e 16 assistências, é o mais novo reforço do Arsenal para o próximo ano esportivo.

Revelado na base azul e branca, se despede do Dragão aos 22 anos de idade, rendendo € 35 milhões aos cofres do clube.

facebooktwitterreddit