5 jogadores que superaram dramas pessoais para defenderem seus clubes

Vitor Beloti
Nacho Fernández joga partida contra o São Paulo após sua avó falecer na Argentina.
Nacho Fernández joga partida contra o São Paulo após sua avó falecer na Argentina. / Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

Drama pessoal é e sempre será algo difícil de superar nos primeiros momentos, mas alguns jogadores conseguiram deixar essa dor um pouco de lado e entraram em campo para defender a camisa de seu clube.

Abaixo, listamos 5 jogadores que superaram dramas pessoais para defenderem seus clubes.

1. Felipe Alves

Felipe Alves
Felipe Alves perdeu o pai horas antes do clássico entre Fortaleza e Ceará. / Alexandre Schneider/Getty Images

E lá sem vem mais um momento de superação. No dia 20 de março deste ano, horas antes do clássico entre Fortaleza e Ceará pela Copa do Nordeste, o goleiro Felipe Alves recebeu a péssima notícia da morte de seu pai, após lutar contra a COVID-19.

O jogador decidiu que era preciso entrar em campo para defender a camisa de seu clube, como uma forma de homenagear o seu pai, e não ficou de fora do confronto. A partida em questão terminou em 0 a 0.

2. Gustavo Assunção

Uma hora antes da partida diante do Benfica, o jogador do Famalicão -equipe portuguesa - perdeu seu avô, vítima da COVID-19. O atleta fez uma excelente partida e homenageou seu parente nas redes sociais após o duelo.

A grande partida do atleta foi muito destacada por seus companheiros de equipe e por seu treinador, antes e depois da partida em questão.

3. Nacho Fernández

Ignacio Fernandez
Nacho Fernández perde a avó na Argentina horas antes da partida contra o São Paulo. / Pool/Getty Images

Na véspera do jogo entre São Paulo e Atlético Mineiro, o meia argentino Nacho Fernández recebeu a notícia que sua avó tinha falecido em seu país. No entanto, Nacho se recusou a perder o confronto pelo brasileirão e não viajou para sua cidade natal, ficando em Belo Horizonte. O meia jogou na vitória do Galo por 1 a 0, no Mineirão, pela terceira rodada do campeonato brasileiro 2021.

4. Ronaldinho Gaúcho

Ronaldinho
Ronaldinho homenageia seu padrasto após anotar 3 gols. / LatinContent/Getty Images

O gênio da bola também teve seus momentos difíceis durante uma partida. Seu padrasto, chamado por Vanderlei, morreu às vésperas da partida entre Atlético-MG e Figueirense, pelo Campeonato Brasileiro.

Na partida, Ronaldinho marcou 3 gols e dedicou seus gols e a vitória para seu falecido padrasto após a partida. Uma bela homanagem de um craque da bola.

5. Xavier

Xavier, volante do Corinthians, também passou por um drama pessoal antes de uma partida importante. Nesse caso, antes do jogo entre Corinthians x Sport, pelo campeonato brasileiro, o volante recebeu a notícia que seu avô tinha falecido, e mesmo assim foi a campo na vitória do Corinthians por 3 a 0, na Arena Corinthians.

O atleta foi homenageado por seus colegas de equipe e por seu antigo treinador, Vagner Mancini durante a coletiva pós jogo.

facebooktwitterreddit