Futebol Feminino

3 destaques de Corinthians e Internacional, finalistas do Brasileirão Feminino 2022

Lucas Humberto
Adriana brilhou ao longo de toda a campanha alvinegra
Adriana brilhou ao longo de toda a campanha alvinegra / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

A escrita do Brasileirão Feminino nos garantiu uma decisão completamente única. Corinthians de um lado, Internacional do outro. A classificação das Brabas do Timão para sua sexta final consecutiva veio da melhor maneira possível: 4 a 0 sobre o rival Palmeiras, em pleno Allianz Parque, em dia de recorde de público.

As Gurias Coloradas também estavam com ímpeto de moldar a história. Depois do empate em 1 a 1 no Beira-Rio, o Inter contou com gol de Maiara Lisboa para vencer o São Paulo no Morumbi e garantir a vaga inédita no duelo derradeiro. A seguir, nós listamos três dos muitos destaques de cada um dos memoráveis times.

Entre superação e consolidação, os três destaques do Corinthians

1. Adriana

A Maga vive um dos melhores anos da sua carreira. Destaque da Copa América pela seleção brasileira e pilar do Corinthians, Adriana deu uma aula de futebol na semifinal. Não é exagero dizer que nenhuma outra atacante de Arthur Elias conseguiu dificultar tanto a vida das Palestrinas.

2. Tamires

Suspensa na volta da semifinal, a lateral talvez seja o grande destaque de um Corinthians que precisou se superar para chegar em mais uma decisão. Tamires estava onde era necessária sua presença. Pelo lados, no meio, na defesa, no último terço... a capitã atuou pelo time.

3. Tarciane

A zagueira do Timão viveu uma temporada de consolidação. No alto dos seus 19 anos, Tarciane se portou como uma gigante capaz de batalhar por qualquer bola - e ganhar a maioria delas. Além do aspecto técnico, a raça da defensora conquistou a Fiel quase que de imediato.


Fenômeno na base e regularidade, os três destaques do Internacional

4. Mayara

A cena não sairá da memória dos torcedores tão cedo. Da marca do cal, o São Paulo poderia deixar tudo igual novamente. Isso se May não estivesse com apetite de finalista. "Quando marcou o pênalti, eu já sabia que pegaria. Estava sentindo", contou a goleira. Dito e feito.

5. Fabi Simões

No jovem plantel de Maurício Salgado, Fabi Simões soube ser a fonte de experiência que qualquer grande equipe precisa para deslanchar. Dona de dribles precisos, finalizações perigosas e uma visão diferenciada, a lateral cresceu no momento certo.

6. Duda Sampaio

Quem vê Duda Sampaio em campo pode não imaginar que a talentosa meia tem somente 21 anos. Inteligente, promissora e habilidosa, a atleta do Internacional não deve demorar muito para estar entre os principais nomes da seleção brasileira. Craque.

facebooktwitterreddit