Cruzeiro

Sem acordo: elenco do Cruzeiro mantém greve após reunião com presidente do clube

Nathália Almeida
Elenco do Cruzeiro segue em greve por atrasos salariais
Elenco do Cruzeiro segue em greve por atrasos salariais / GLEDSTON TAVARES/FramePhoto/Gazeta Press/VoltaxImages
facebooktwitterreddit

Desde o rebaixamento selado ao final da temporada 2019, o Cruzeiro parece viver uma espiral de problemas e tensões em seus bastidores. Não é errado dizer, no entanto, que todos eles partem de um denominador/origem em comum: a trágica situação financeira na qual a Raposa se encontra, herança das gestões anteriores que machucaram muito um dos maiores clubes do país.

Neste exato momento, o torcedor do Cruzeiro vive a incerteza de quando verá sua equipe em campo novamente, afinal, o elenco celeste decidiu pela paralisação geral de suas atividades enquanto estiverem com os salários atrasados. Através de carta aberta escrita e divulgada no último dia 13 de outubro, os jogadores cruzeirenses tornaram públicas suas reivindicações, revelando que existem pendências ativas referentes ao ano passado (2020) e que demais funcionários do clube também estão sofrendo com atrasos.

Nesta sexta (15), houve uma reunião entre o presidente do clube, Sérgio Santos Rodrigues, e diversos jogadores do elenco celeste. O atual comandante do Cruzeiro, Vanderlei Luxemburgo, também participou do encontro, que durou duas horas e terminou sem um acordo entre as partes: sem recursos para quitar os débitos ativos, a diretoria celeste não foi capaz de oferecer uma solução parcial que atendesse as reivindicações dos atletas. Desta forma, a greve dos profissionais celestes está mantida, chegando ao seu terceiro dia.

facebooktwitterreddit