Eurocopa

Seleções confirmam favoritismo em dia de homenagem emocionante a Eriksen na Euro

Fabio Utz
Camisa 10 dinamarquês foi lembrado em Copenhague
Camisa 10 dinamarquês foi lembrado em Copenhague / HANNAH MCKAY/Getty Images
facebooktwitterreddit

Três jogos foram realizados nesta quinta-feira pela segunda rodada da fase de grupos da Eurocopa. As seleções de Ucrânia, Bélgica e Holanda confirmaram a condição de favoritas nos confrontos em um dia marcado, também, por emocionante homenagem a Eriksen. Veja detalhes.

1. Grupo B: Dinamarca 1 x 2 Bélgica

Dinamarca Bélgica Euro Eurocopa Homenagem Eriksen
Partida foi interrompida com aplausos a Eriksen / Stuart Franklin/Getty Images

Os dinamarqueses abriram o placar logo aos 2 minutos com Poulsen. No entanto, Thorgan Hazard e Kevin de Bruyne viraram na etapa final e confirmaram os 100% de aproveitamento da Bélgica na competição. Aos 10 minutos de jogo, houve uma linda homenagem a Eriksen, que teve um mal súbito na estreia dinamarquesa. No primeiro jogo da equipe após o incidente, aconteceu uma parada aos 10 minutos (número da camisa do atleta). Atletas, torcedores dos dois países envolvidos no duelo e até integrantes da arbitragem aplaudiram o profissional. Na arquibancada, foi estendida uma faixa com os seguintes dizeres: "Toda a Dinamarca está com você, Christian". A partir de agora, ele passará a utilizar um desfibrilador no coração.

2. Grupo C: Ucrânia 2 x 1 Macedônia

Andriy Yarmolenko Ucrânia Macedônia Eurocopa
Yarmolenko marcou um dos gols do time ucraniano / Robert Ghement - Pool/Getty Images

A Ucrânia, que havia perdido na estreia para a Holanda, conseguiu sua primeira vitória no torneio continental. Yarmolenko e Yaremchuk fizeram para o time amarelo no primeiro tempo, enquanto Alioski descontou para o rival na etapa complementar.

3. Grupo C: Holanda 2 x 0 Áustria

Memphis Depay Holanda Áustria Euro Eurocopa
Depay foi o responsável por abrir o placar da partida / Olaf Kraak - Pool/Getty Images

A Holanda chegou à sua segunda vitória na Eurocopa. Com gols de Memphis Depay, de pênalti, e Dumfries (este já no segundo tempo), não deu qualquer chance aos austríacos e mostrou, mais uma vez, a sua força para a festa dos presentes na Amsterdam Arena.

facebooktwitterreddit