São Paulo renova contrato de Gabriel Sara com multa rescisória 'padrão' para Europa; entenda

Nathália Almeida
Dec 22, 2020, 11:27 AM GMT-3
2020 Brasileirao Series A: Santos v Sao Paulo Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus (COVID
2020 Brasileirao Series A: Santos v Sao Paulo Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus (COVID | Alexandre Schneider/Getty Images
facebooktwitterreddit

Na última segunda-feira (21), o São Paulo anunciou a renovação de contrato do jovem meio-campista Gabriel Sara, que estendeu seu vínculo com o Soberano até o dia 30 de abril de 2024. Titular com Fernando Diniz e muito valorizado pelo treinador, o garoto teve suas condições de permanência no Morumbi melhoradas pela diretoria tricolor, além de ter garantido um justo reajuste salarial.

Quando à multa rescisória - grandeza importante nos contratos de jovens talentos, pensando em como clubes europeus buscam reforços no mercado brasileiro -, o UOL Esportes apurou que o valor de multa firmado no novo contrato de Gabriel Sara é o 'padrão' adotado pelo Tricolor Paulista para clubes do exterior: 50 milhões de euros (R$ 313,4 milhões na cotação atual).

2020 Brasileirao Series A: Sao Paulo v Atletico MG Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus
2020 Brasileirao Series A: Sao Paulo v Atletico MG Play Behind Closed Doors Amidst the Coronavirus | Miguel Schincariol/Getty Images

Este é o valor de multa rescisória estabelecido na grande maioria dos contratos dos garotos de Cotia, como o volante Luan, o meia Igor Gomes e o atacante Brenner. O acordo pela renovação contratual de Gabriel Sara foi costurado desde os primeiros dias de dezembro, contudo, a assinatura da extensão só aconteceu na última segunda em virtude da disponibilidade do pai do atleta, que só pôde viajar à capital paulista nesta semana.

facebooktwitterreddit