São Paulo

São Paulo ‘blinda’ promessas de Cotia com contratos longos e multas altas – veja o motivo

Antonio Mota
Gabriel Sara, Rodrigo Nestor e outras Crias de Cotia: São Paulo renova com jogadores da base que foram promovidos ao profissional.
Gabriel Sara, Rodrigo Nestor e outras Crias de Cotia: São Paulo renova com jogadores da base que foram promovidos ao profissional. / Alexandre Schneider/Getty Images
facebooktwitterreddit

O São Paulo optou por uma abordagem mais segura na última janela de transferências e renovou o contrato de várias das Crias de Cotia que foram promovidas ao profissional nos últimos anos. Conforme o ge, o Tricolor do Morumbi tomou essa decisão para “blindar” os seus talentos nos próximos mercado da bola.  

Segundo a fonte citada, o São Paulo decidiu ampliar o tempo de contrato dos Garotos de Cotia para aumentar o poder de negociação em futuras janelas de transferência. Além disso, o clube viu nas ampliações contratuais uma forma de evitar perder os jogadores de graça e, também, de aumentar o valor das multas rescisórias – valorizando, assim, os atletas.  

Normalmente, o São Paulo costuma colocar uma multa no valor de 50 milhões de euros (mais de R$ 300 milhões) nos vínculos das promessas que são promovidas e renovam no profissional. O valor, cabe notar, não significa que o jogador será negociado por tal quantia, mas aumenta a margem para o time negociar.

Igor Gomes São Paulo
São Paulo ‘blinda’ jogadores da base que renovaram no profissional. / Miguel Schincariol/Getty Images

Tempos atrás, quando efetuou sua última grande venda de um jogador revelado em Cotia, o São Paulo amarrou um negócio, entre o valor fixo e os bônus, que o pode render 15 milhões de dólares (cerca de R$ 80 milhões na cotação da época).   

Já nesta temporada, pensando em não dar brechas para a chance de perder nenhum jogador de graça, o Tricolor renovou os vínculos de diversos garotos da base, como Rodrigo Nestor, Talles Costa, Welington e Luan. Esses jogadores, assim como Igor Gomes, Liziero e Gabriel Sara, costumam aparecer no radar dos clubes do exterior nas janelas de transferências.

Ao blindar os jovens de Cotia, o São Paulo espera conseguir boas quantias no mercado da bola. Recentemente, o Tricolor revelou que precisa negociar jogadores para equilibrar as finanças, mas nenhuma oferta considerada boa chegou ao Morumbi. O clube não pretende liberar os jogadores por cifras vistas como “baixas”.

Confira o tempo de contrato dos principais garotos revelados na base:

Rodrigo Nestor - 31/12/2024
Welington - 31/12/2024
Talles Costa - 31/12/2024
Marquinhos - 31/05/2024
Gabriel Sara - 30/04/2024
Liziero - 31/01/2024
Luan - 31/12/2023
Patryck - 31/05/2023
Igor Gomes - 31/03/2023
Diego Costa - 31/12/2022

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit