Santos emplaca feito inédito na história da Libertadores ao eliminar Boca - saiba qual

Jan 13, 2021, 9:18 PM GMT-3
Yeferson Soteldo
Santos v Boca Juniors - Copa CONMEBOL Libertadores 2020 | Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

Domínio absoluto, incontestável e irrepreensível. O Santos foi dono do jogo na Vila Belmiro e conquistou, com justiça, sua classificação à grande final da Conmebol Libertadores: vitória categórica por 3 a 0 sobre um dormente Boca Juniors, gols de Diego Pituca, Soteldo e Lucas Braga, garantindo mais uma final 100% brasileira da história da competição.

A classificação maiúscula do Peixe sobre o segundo maior campeão do continente se configurou em um feito inédito na história da Copa Libertadores: o Santos tornou-se o primeiro time brasileiro a conseguir superar o Boca Juniors por duas vezes em mata-matas da competição. Considerando que estamos falando de um torneio com 60 anos de história, essa estatística prova como o gigante xeneize é uma 'pedra no sapato' de times tupiniquins e de como é difícil enfrentá-los em duelos eliminatórios. Mas para o Peixe, quanto mais improvável, melhor.

Ramón Ábila, Sandry
Santos v Boca Juniors - Copa CONMEBOL Libertadores 2020 | Pool/Getty Images

Com a classificação alvinegra, a finalíssima 100% brasileiro está confirmadíssima para o dia 30 de janeiro, no Maracanã. Será apenas a terceira vez na história da competição que dois times do nosso futebol se enfrentarão na decisão, a primeira desde 2006. Naquele ano, São Paulo e Internacional se enfrentaram, com o Colorado levando a melhor. No ano anterior, 2005, o Tricolor Paulista foi campeão sobre o Athletico Paranaense.

facebooktwitterreddit