Futebol brasileiro

Santos cede empate ao São Bernardo e fica em terceiro do grupo no Paulistão

Fabio Utz
Peixe, de Ricardo Goulart, frustrou torcida na Vila Belmiro
Peixe, de Ricardo Goulart, frustrou torcida na Vila Belmiro / Flávio Hopp/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Da empolgação com Marcos Leonardo às vaias para Felipe Jonatan. Sim, a Vila Belmiro, em um piscar de olhos, teve seu ambiente festivo transformado em frustração. Tudo em função do empate do Santos em 1 a 1 com o São Bernardo, nesta quinta-feira, pela quinta rodada do Campeonato Paulista.

Se a partida tivesse apenas um tempo, haveria só sorrisos. Afinal, o Peixe se impunha e conquistava seu segundo triunfo no Estadual graças ao seu novo camisa 9 - o atleta teve recentemente seu contrato renovado e passou a vestir o número que representa um verdadeiro artilheiro. Foi de Marcos Leonardo o único gol do Alvinegro, o que leva mais uma vez o torcedor alvinegro a pensar no poder de decisão que o garoto tem.

Só que daí veio a etapa final, e o rival não demorou a deixar tudo igual no placar. Silvinho, livre, apareceu na frente de Felipe Jonatan e empatou depois de bom cruzamento para a área santista. Claro, o desânimo foi natural, e o lateral sofreu com a ira da torcida ao ser substituído pelo técnico Fábio Carille logo em seguida.

A segunda vitória no Paulistão não veio, e o Santos é apenas o terceiro colocado do Grupo D com seis pontos. Ou seja, com a fase de classificação chegando quase à metade, o clube, hoje, estaria fora dos mata-matas.

Para mais notícias do Santos, clique aqui.

facebooktwitterreddit