Futebol brasileiro

Santistas perdem paciência com Carille após nova derrota no Paulistão e querem ver técnico em rival

Fabio Utz
Treinador viu seu time levar 3 a 2 do Mirassol
Treinador viu seu time levar 3 a 2 do Mirassol / Jota Erre/Photo Premium/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Em 35 minutos, o Santos viu aniquiladas as suas chances de conseguir um bom resultado na sétima rodada do Campeonato Paulista. E a consequência de mais um resultado ruim e de uma atuação pior ainda foi o fim da paciência da torcida do Peixe com o técnico Fábio Carille.

Na noite desta quinta-feira, a equipe da Vila Belmiro sucumbiu diante do Mirassol, que ganhou por 3 a 2 jogando em casa. Os gols de Zeca, Fabrício e Rafael Silva colocaram o rival com uma larga vantagem. Por isso que nem o fato de Madson e Marcos Guilherme terem ido às redes na etapa final modificou a história do duelo.

O Santos se mostrou uma presa fácil durante a primeira parte do confronto. Como o time que mais sofre finalizações no Paulistão, dessa vez não foi diferente. Foram oito chutes, sendo cinco no alvo, em apenas um terço do jogo. E isso, claro, foi fatal para as pretensões do Alvinegro, que ficou em segundo lugar do Grupo D com nove pontos - o Red Bull Bragantino, que aplicou 2 a 0 no Água Santa, está em primeiro com 13.

Por enquanto, a classificação para as quartas de final estaria garantida. Mas Ponte Preta e Santo André, ambos com sete pontos, já ameaçam. Resta saber se a sequência da competição e a tentativa de busca da vaga será com ou sem Carille à beira do gramado. Se depender de alguns santistas (veja os Tweets), o treinador deveria parar no Corinthians...

Para mais notícias do Santos, clique aqui.

facebooktwitterreddit