Futebol brasileiro

Saiba qual o tabu que o Grêmio tem para quebrar no Gre-Nal deste sábado

Fabio Utz
Tricolor enfrenta o Inter fora de casa pelo Gauchão
Tricolor enfrenta o Inter fora de casa pelo Gauchão / Silvio Avila/GettyImages
facebooktwitterreddit

O ano é, no mínimo, atípico levando em conta a história dos dois clubes. Neste sábado, Inter e Grêmio disputarão o maior clássico do futebol gaúcho estando em divisões diferentes. O duelo, verdade, é válido pelo Estadual. Porém, fica, para os azuis, aquele gosto amargo de estar fora da elite do futebol brasileiro.

Para tentar compensar um pouco, o Tricolor tentará quebrar um tabu diante do grande rival. Nunca, em um ano no qual um dos dois times disputou a Série B - isso já aconteceu outras três vezes - , este ganhou um Gre-Nal oficial. Em 1992, quando o Grêmio fez o infeliz debut na segundona, o clube até conseguiu vencer o Inter em um amistoso: 2 a 0 no Olímpico (gols de Jandir e Lira). Porém, nos cinco encontros 'valendo alguma coisa', nada de vitória. Foram quatro empates - dois pelo Gauchão e dois pela Copa do Brasil e uma vitória rubra. Esta aconteceu no dia 20 de dezembro. Na primeira partida da decisão do Estadual, o Inter aplicou 3 a 1 em plena casa azul, gols de Marquinhos e Nando (duas vezes) - Alcindo descontou.

Pulando para 2005, ano em que o Grêmio disputou a Série B nacional pela segunda vez, não houve Gre-Nal sequer pelo Campeonato Gaúcho. Por isso, chega-se rapidamente a 2017, com o Inter amargando uma inédita queda. No único clássico da temporada, na Arena, houve empate em 2 a 2 no dia 04 de março. O jogo foi válido pelo Regional. Bolaños e Fernandinho fizeram para os mandantes, enquanto Roberson e Brenner marcaram para os visitantes.

Será que esse cenário se mantém no final de semana? Ou é chegada a hora de escrever uma nova página nesta história? Vem aí o Gre-Nal 435...

Para mais notícias do Internacional, clique aqui.

Para mais notícias do Grêmio, clique aqui.

facebooktwitterreddit