Fora do Campo

Ronaldinho Gaúcho revela carinho pelo Boca Juniors e explica motivo: 'Maradona foi ídolo em minha casa'

Vitor Beloti
Ronaldinho Gaúcho declarou seu sentimento pelo Boca Juniors.
Ronaldinho Gaúcho declarou seu sentimento pelo Boca Juniors. / Lionel Hahn/GettyImages
facebooktwitterreddit

Ídolo atemporal e global, Ronaldinho Gaúcho foi eleito o melhor jogador do mundo durante sua passagem pelo Barcelona, em 2004 e 2005, além de conquistar o pentacampeonato mundial pela Seleção Brasileira, em 2002. Atualmente, o astro brasileiro não atua mais dentro das quatro linhas, mas fora delas o ex-meio campista ainda mantém seu hábito de falar com a imprensa.

Desta vez, Ronaldinho concedeu entrevista para o jornal argentino Olé e comentou sobre sua preferência em relação a algum clube do país: "Sempre acompanhei muito o futebol argentino e sempre gostei do Boca Juniors, porque o Maradona jogou pelo Boca. Gostei de olhar sua história, onde ela aconteceu, as coisas que ele fez. E eu sempre gostei do Boca sabendo que ele tinha jogado lá, por causa da história, a Bombonera. Sempre tive um amor, sempre gostei muito do River, do Boca, de conhecer tanta gente, mas o Boca foi o que mais assisti porque o Diego já passou por lá. Não existe um carinho especial, gosto de todas as equipes.", relatou o ex-camisa 10 do Barcelona.

Ronaldinho, Diego Maradona
Ronaldinho e Maradona eram grandes amigos. / Alexander Hassenstein/GettyImages

Após declarar sobre a preferência em algum clube argentino, o craque brasileiro não deixou de declarar seu carinho pelo maior ídolo do torcedor argentino, Diego Maradona: "Maradona sempre foi um ídolo em minha casa. Primeiro ele era o ídolo do meu irmão, Maradona era o ídolo do meu ídolo. Portanto, cresci olhando para o Diego. Meu irmão era meu ídolo, o Diego era o ídolo do meu irmão, eu ia olhar todas as coisas do Diego, fiquei fã e tive a oportunidade de estar com ele várias vezes. Ficamos amigos e sempre foi um prazer estar com ele.", completou Ronaldinho.

No jogo do PSG diante do RB Leipzig, pela terceira rodada da fase de grupos da Champions League, Ronaldinho Gaúcho esteve presente no estádio parisiense e se reencontrou com seu ex-companheiro Lionel Messi minutos antes do início da partida, durante o aquecimento do argentino. Por este aspecto, o brasileiro comentou mais uma vez sobre seu carinho em relação ao camisa 30 do PSG.

"Sempre que nos encontramos, sempre da mesma forma, o carinho é o mesmo. Não só com ele, mas com toda a família, nos damos muito bem. Somos amigos, não só companheiros de futebol. Quando temos a oportunidade de estar perto um do outro é sempre o mesmo"

Ronaldinho Gaúcho, em entrevista ao Olé

Após pendurar as chuteiras, Ronaldinho ainda está ligado ao futebol, especificamente ao Barcelona. Atualmente, o ex-camisa 10 é o embaixador do clube, e leva toda sua felicidade e a marca do Barça por onde viaja.

facebooktwitterreddit