Futebol Internacional

Romelu Lukaku admite que não deveria ter voltado para jogar no Chelsea: 'Um erro'

Wéverton Rodrigues
Atacante reestreou pela Inter em amistoso
Atacante reestreou pela Inter em amistoso / Nicolò Campo/GettyImages
facebooktwitterreddit

Muito se falou da saída de Lukaku da Inter de Milão. Contratado por 113 milhões de euros em 2021, o belga veio para a sua quarta passagem em Stamford Bridge sob bastante expectativa, mas não acabou engrenando com a camisa do Chelsea.

Depois de uma passagem de muito sucesso na Itália - foram 64 gols nas duas temporadas com a camisa Nerazzurri -, o jogador acabou sendo negociado pelo time italiano a fim de aliviar a pressão nos cofres. O negócio, porém, acabou dando errado e, quando perguntado recentemente a respeito de seu retorno ao futebol inglês, o atacante acabou admitindo: "Sabe, eu saí, foi um erro". Além disso, ele julga o atual desafio como o maior da sua carreira.

De volta a Milão, o centroavante jogará uma temporada no futebol italiano por empréstimo. Ele acabou sendo cedido ao emblema italiano depois de falar em entrevista sobre sua insatisfação por ter deixado a Inter e voltar para o Chelsea. Além dos torcedores, o técnico Thomas Tuchel não ficou nada satisfeito com as declarações. À Sky Sports, o técnico alemão acabou deixando o futuro do jogador em aberto, embora não tenha sido definido uma obrigatoriedade de compra vinculada ao contrato firmado entre italianos e ingleses:

"Dado o fato de ele estar apenas emprestado, é claro que há uma chance. Não sei se é muito provável, mas não cabe a mim dar uma perspectiva sobre isso. Decidimos junto com os donos que deixaríamos (Lukaku) ir. Foi o desejo dele, ele teve a possibilidade, nós o deixamos ir. Trouxemos agora Raheem Sterling, o que nos dá muita flexibilidade, muita de mobilidade, muitas opções de ataque na frente, mesmo que não recrutemos mais jogadores."

Tuchel, em entrevista recente
facebooktwitterreddit