Copa do Brasil

Rivais na Copa do Brasil, Flamengo e Athletico-PR miram ano com mais títulos de expressão da história

Fabio Utz
Clubes iniciam, na quarta-feira, briga por vaga à final da Copa do Brasil
Clubes iniciam, na quarta-feira, briga por vaga à final da Copa do Brasil / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

Nesta quarta-feira (20), Flamengo e Athletico-PR iniciam a briga por uma vaga à final da Copa do Brasil. Este duelo, por sinal, envolve uma curiosidade pra lá de interessante: os dois clubes tentam fazer de 2021 o ano mais vitorioso das suas histórias - em termos de quantidade de títulos de expressão -, só que apenas um deles seguirá neste caminho.

Acompanhe com a gente este rescaldo...

1. Athletico-PR

Athletico-PR 2018 Campeão Sul-Americana
Furacão foi campeão da Sul-Americana de 2018 / NELSON ALMEIDA/GettyImages

O Athletico-PR foi campeão brasileiro em 2001, ganhador da Copa Sul-Americana de 2018 e vencedor da Copa do Brasil de 2019. Se neste momento se encontra sem condições de brigar pela taça do Brasileirão - tem 22 pontos a menos que o líder Atlético-MG -, em contrapartida está na final da Copa Sul-Americana, fazendo a partida decisiva frente ao Red Bull Bragantino em 20 de novembro. Se também for à decisão da Copa do Brasil e, por ventura, ganhar as duas competições, poderá celebrar, lá em dezembro, o ano mais vitorioso de sua história.

2. Flamengo

Diego Alves Everton Ribeiro Diego Flamengo Campeão Libertadores 2019
Rubro-Negro ganhou Libertadores e Brasileirão em 2019 / Daniel Apuy/GettyImages

O Flamengo é multicampeão. Lá em 1981 arrebatou Libertadores e Mundial. Depois, em 2019, levantou novamente a taça mais cobiçada da América do Sul e ganhou o Brasileirão. Agora, três títulos deste porte em um mesmo ano não há na sua história. O clube, neste momento, já está na final da Libertadores - a partida contra o Palmeiras, que apontará o campeão, será no dia 27 de novembro - e aparece na vice-liderança do Campeonato Brasileiro - tem 10 pontos a menos que o Atlético-MG, mas entrará em campo duas vezes a mais que o rival. Indo à decisão da Copa do Brasil, manterá intacto o sonho desta inédita tríplice coroa.

facebooktwitterreddit