Corinthians

Renato é carta fora do baralho no Corinthians; partes se manifestam após vitória sobre o Huancayo

Fabio Utz
Timão aplicou 5 a 0 sobre os peruanos, mas segue sem treinador
Timão aplicou 5 a 0 sobre os peruanos, mas segue sem treinador / NELSON ALMEIDA/Getty Images
facebooktwitterreddit

Ah, se todos os rivais fossem como o Sport Huancayo. Este é o pensamento da torcida do Corinthians, que viu seu time mais uma vez passar o carro sobre os peruanos. Pena que a goleada de 5 a 0 não serviu para absolutamente nada. Afinal, o clube já entrou em campo eliminado da Copa Sul-Americana. O que ninguém esperava é que, logo após o apito final, viesse a confirmação de que Renato Portaluppi não será treinador da equipe.

O duelo em Itaquera, o primeiro depois da demissão do técnico Vagner Mancini, serviu apenas para o torcedor "se divertir" um pouco com o momento do time. Vejam só...teve dois gols do Gustavo Mosquito, teve gol de Luan, a quem os alvinegros se atreveram a chamar de "Luanel" depois da bucha. Mateus Vital e até o um tanto quanto sumido Gil também compareceram no placar.

Nada disso adiantou. Aliás, poderia ter uma dúzia de bolas na rede que o cenário não iria mudar. Restou, apenas, brincar. Agora, é aguardar para ver quem será o novo treinador.

RENATO E CORINTHIANS ENCERRAM NEGOCIAÇÕES

Por meio de nota oficial, o Corinthians comunicou o desacerto com o técnico Renato Portaluppi. As tratativas ocorriam desde a terça-feira. "Depois de três dias de conversas francas, o Sport Club Corinthians Paulista e o técnico Renato Portaluppi decidiram encerrar cordialmente as negociações para uma possível vinda do treinador ao comando da equipe profissional", diz o comunicado.

Renato Portaluppi Corinthians Proposta Recusa
Técnico quer mais um tempo de descanso com a família / Silvio Avila/Getty Images

Pouco depois, Renato também divulgou uma carta. Afirmou que gostou do projeto apresentado, mas...O Corinthians é um clube gigante, com uma torcida enlouquecedora. Fiquei muito feliz com o carinho que recebi nos últimos dias. Não tenho rede social, mas fiquei sabendo de toda movimentação que foi feita e isso me encheu de orgulho. Conversei muito com a minha esposa e chegamos à conclusão de que, neste momento, é necessário descansar um pouco mais com a família e os amigos. Foram cinco anos de muito trabalho e viagens ininterruptas."

Para mais notícias do Corinthians, clique aqui.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit