Recomendação do MP coloca Paulistão em xeque; Governador ainda irá se pronunciar

Fabio Utz
Estadual de São Paulo pode ficar sem jogos em fase vermelha da Covid-19
Estadual de São Paulo pode ficar sem jogos em fase vermelha da Covid-19 / Miguel Schincariol/Getty Images
facebooktwitterreddit

O Campeonato Paulista está em xeque. Ao menos, no momento. Em função do aumento de casos de coronavírus no principal Estado do país, o procurador-geral do Ministério Público, Mario Sarrubbo, recomendou ao governo local a suspensão de eventos esportivos - o que obviamente inclui partidas de futebol -, na fase vermelha do plano de combate à doença.

A recomendação, publicada no Diário Oficial, precisa ser referendada pelo governador João Doria ou pela Justiça para entrar em vigência. Por isso, aguarda-se por uma manifestação oficial do político. O Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, recentemente, informou que o futebol não precisaria ser interrompido e seguiria o modelo adotado na Europa, onde vários países decretaram lockdown, mas mantiveram as atividades esportivas sem presença de público.

A Federação Paulista já se pronunciou de forma contrária a Sarrubbo. Segundo a entidade, existe um rigoroso protocolo de saúde colocado em prática para a disputa do Paulistão. Ela argumenta, ainda, "que os jogos de futebol não são, sob nenhuma hipótese, locais que sugerem qualquer tipo de contaminação". A entidade encerrou seu comunicado dando conta de que "não há qualquer argumento científico que sustente a tese de que o futebol profissional gere aumento no número de casos".

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.

facebooktwitterreddit