Esports

Ranking: Os 10 melhores jogadores do Pro Evolution Soccer (PES) de todos os tempos

Thomas Savoia
Brazilian forward Adriano (L) celebratin
Brazilian forward Adriano (L) celebratin / ROBERTO SCHMIDT/Getty Images
facebooktwitterreddit

Pro Evolution Soccer. O jogo louco, divertido e viciante que fez com que tantos de nós se apaixonassem por futebol, videogames e minúsculos homens robóticos.

O PES - como é conhecido - desenvolveu um grande número de seguidores por quase 20 anos, fornecendo alguns dos produtos mais emocionantes e divertidos do mercado. Conforme a tecnologia avançou e nossas papilas gustativas amadureceram, a sensação KONAMI começou a ser deixada para trás.

Enquanto milhares de jogadores se cansam do jogo frustrante e dos ajustes desnecessários do FIFA, o PES continua a se apegar às suas raízes, produzindo consistentemente um jogo sólido e agradável e colocando sua comunidade leal à frente de qualquer outra coisa.

PES 2021 também marcou um marco muito especial - o 20º aniversário do primeiro Pro Evolution Soccer, duas décadas inteiras desde o nascimento desta incrível franquia.

Se liga na lista dos melhores jogadores do PES ao longo dessas duas décadas.

10. Ronaldinho - Pro Evolution Soccer 4

Barcelona's new Brazilian soccer star Ro
Barcelona's new Brazilian soccer star Ro / JOSE JORDAN/Getty Images

Um gênio extravagante do nosso esporte, Ronaldinho era igualmente empolgante de usar com um controle nas mãos. A edição PES 4 viu o superastro brasileiro entregar estatísticas acima de 80 em todos os aspectos, exceto sua habilidade aérea, enquanto sua técnica e dribles eram impressionantes 97.

9. Radolno (Ronaldo) - Pro Evolution Soccer 2

Claudio Villa Archive
Claudio Villa Archive / Claudio Villa/Getty Images

Radolno, ou Ronaldo para você e eu, foi outro jogador fantástico do ISS Pro Evolution Soccer 2 edition. Ele era tão bom quanto um jogador poderia ser em um jogo tão jovem e nervoso, um pouco mais rápido e mais forte do que seus companheiros de equipe e adversários, e implacável com os dois pés.

8. Pavel Nedved - Pro Evolution Soccer 5

Juventus v Perugia X
Juventus v Perugia X / Grazia Neri/Getty Images

Um polivalente. Pavel Nedved era um superstar no início dos anos 2000 e, tendo acabado de ganhar o Ballon d'Or, seu heroísmo foi refletido apropriadamente pela KONAMI. Com apenas uma estatística abaixo de 75, ele poderia fazer qualquer coisa e jogar em qualquer lugar.

7. Wayne Rooney - Pro Evolution Soccer 5

Manchester United v Fenerbahce SK
Manchester United v Fenerbahce SK / Laurence Griffiths/Getty Images

Na época, com cerca de 19 anos, o jovem inglês se consolidou rapidamente como um dos melhores atacantes do futebol mundial. E ele tinha as características perfeitas para transferir essa habilidade para as telas de nossos computadores. Extremamente forte, rápido e com um tiro destrutivo de longa distância, Rooney era o atacante ideal e um dos mais próximos que já chegamos do herdeiro do trono do atacante final (a ser revelado mais tarde).

6. Cristiano Ronaldo - Pro Evolution Soccer 6

Cristiano Ronaldo of Manchester United
Cristiano Ronaldo of Manchester United / Stu Forster/Getty Images

A estrela portuguesa estava ganhando fama na Inglaterra com o Manchester United, e como um meia direito astuto e veloz, havia poucos jogadores melhores no jogo. Ronaldo era tão ágil e rápido que os zagueiros simplesmente não conseguiam acompanhar, e sua finalização era devastadora.

5. Steven Gerrard - Pro Evolution Soccer 6

FIFA Club World Championships: Sao Paulo FC and Liverpool FC
FIFA Club World Championships: Sao Paulo FC and Liverpool FC / Junko Kimura/Getty Images

Se você não gritou 'GERRARRRRRRD' para o céu noturno ao martelar uma bola com raiva, você não viveu. Para muitos, esse prazer veio diariamente no Pro Evolution Soccer 6, quando a estrela do Liverpool estava no seu auge. Com 99 de passe curto (estatísticas vitais) e 96 de chutes de longa distância, ele foi o substituto do último minuto para garantir todos os três pontos para a Inglaterra.

4. R. Larcos (Roberto Carlos) PES 2

Roberto Carlos
Roberto Carlos / Ben Radford/Getty Images

Algumas memórias voltando para este. Você está quase na intermediária, mas ganha uma cobrança de falta. O que você faz? Colocar na caixa? É curto? Não. Aproxime-se, R. Larcos. Roberto Carlos fica a 20 metros da bola, na ponta dos pés em direção a ela, e depois acerta um arremate imparável no canto superior, tal como fez naquela vez contra a França. Além de sua técnica única de chute de falta, você poderia dar a ele a bola na lateral esquerda e ele atacaria até a linha de fundo sem ser desafiado, antes de fazer um cruzamento perfeito para a área

3. Obafemi Martins - Pro Evolution Soccer 5

Internazionale v Lecce
Internazionale v Lecce / New Press/Getty Images

Com dois pés, rápido e um tiro pro gol. Obafemi Martins era um astro no Pro Evolution Soccer 5. Com 99 de velocidades máxima e 99 de aceleração, simplesmente não havia como pará-lo quando ia em direção ao gol. E claro, por ser Martins, ele nos daria uma versão comicamente exagerada e extravagante (mas brilhante) de sua comemoração acrobática.

2. Thierry Henry - Pro Evolution Soccer 4

Arsenal v Middlesbrough
Arsenal v Middlesbrough / Ben Radford/Getty Images

O Arsenal e o melhor jogador de todos os tempos da Premier League, Thierry Henry, era igualmente dominante em nosso mundo virtual. Por alguns anos, ele foi intocável. Na verdade, ele tinha 98 de ataque, 96 de aceleração, 95 de precisão de chute e 97 de técnica, tornando-o estatisticamente o melhor atacante do jogo.

1. Adriano - Pro Evolution Soccer 5

Serie A - INTER v SAMPDORIA
Serie A - INTER v SAMPDORIA / New Press/Getty Images

Só pode haver um vencedor nesta lista de heróis do PES. Para ser justo, qualquer pessoa que realmente jogou o jogo também terá colocado esse cara como o número um. Adriano era incomparável. 99 de chute. Coloque-o com o pé esquerdo a menos de 40 metros do gol, e ele pode disparar um chute e estourar a rede. Alto, forte, poderoso, rápido e finalizador, o atacante brasileiro foi o melhor do planeta - dentro e fora do PES. Sua carreira foi interrompida por uma série de lesões, mas seu legado viverá para sempre entre aqueles que escolheram a Inter de Milão como seu time no Pro Evolution Soccer.

facebooktwitterreddit