Brasileirao Série A

Rafael, do Botafogo, está consciente após choque com Galhardo; lateral sofreu trauma na cabeça

Nathália Almeida
Jogo entre Fortaleza e Botafogo precisou ser paralisado para atendimento de Rafael
Jogo entre Fortaleza e Botafogo precisou ser paralisado para atendimento de Rafael / Caio Rocha/ZIMEL PRESS/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Lotada de torcedores que fizeram uma grande festa para Tinga antes da bola rolar, a Arena Castelão viveu momentos de tensão ainda nos primeiros minutos do jogo deste domingo (5), entre Fortaleza e Botafogo, pela rodada 25 do Brasileirão.

O cronômetro do duelo ainda não chegava aos 15' da etapa inicial quando Rafael e Thiago Galhardo se envolveram em um forte choque de cabeça, no qual o lateral alvinegro levou a pior: caiu no campo desacordado, precisando ser substituído a contragosto após ser avaliado pelo médico do clube.

Destaca-se que o camisa 7 do Glorioso chegou a recobrar a consciência ainda no gramado e se recusava a deixar a partida, pela vontade de ajudar a equipe a sair da capital cearense com o placar positivo. Contudo, em virtude do evidente afundamento facial sofrido pelo atleta no choque, seguiu-se o protocolo de recomendação para casos como este, que é o imediato "abandono" do jogo.

Deslocado de ambulância para o hospital mais próximo à Arena Castelão, Rafael foi avaliado e teve diagnosticado um trauma crânio-facial. Importante ressaltar que o jogador chegou ao local em bom estado e consciente.

facebooktwitterreddit