Futebol brasileiro

Quem leva a melhor no retrospecto histórico dos mata-matas entre Corinthians e Flamengo?

Wéverton Rodrigues
Equipes fazem um dos duelos mais disputados do futebol nacional
Equipes fazem um dos duelos mais disputados do futebol nacional / Alexandre Loureiro/GettyImages
facebooktwitterreddit

A missão do Corinthians é inédita: avançar no mata-mata tendo o Flamengo como adversário na disputa de jogo da Libertadores. Depois de decidirem vaga às quartas de final no torneio continental em 2010, quando o Rubro-Negro levou a melhor, as tradicionais equipes do futebol brasileiro voltam a se enfrentar em uma eliminatória da competição mais importante do continente. O compromisso das quartas de final está marcado para às 21h30 desta terça-feira (2), na Neo Química Arena, em São Paulo. A volta acontece no próximo dia 9, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Abaixo, você confere como está o retrospecto histórico das equipes em jogos de mata-mata ao longo da história.

1. Brasileirão 1984

Há 38 anos, Flamengo e Corinthians duelaram pelas quartas do Campeonato Brasileiro de 84, confronto que contou com nomes como Sócrates, Bebeto, Casagrande e Júnior. Apesar de ter vencido por 2 a 0 no Maracanã, com gols de Éder e Bebeto, o Flamengo acabou sendo surpreendido pelo Corinthians no jogo da volta, no Morumbi, onde o Timão acabou goleando o adversário por 4 a 1, com gols de Édson Boaro, Wladimir, Biro Biro e Ataliba. Corinthians nas semifinais!

2. Copa do Brasil 1989

A disputa da vez foi pela Copa do Brasil, também pelas quartas de final. Nesta ocasião, o critério do gol fora de casa acabou sendo decisivo em favor da equipe carioca: depois do 2 a 0 do Rubro-Negro no Maracanã, o Alvinegro venceu a partida no Pacaembu por 4 a 2. Flamengo nas semifinais!

3. Rio-São Paulo 1997

Romario
Baixinho era um dos destaques do Rubro-Negro à época / VANDERLEI ALMEIDA/GettyImages

Novamente com compromisso marcado nas quartas de final, as equipes decidiram vaga entre os quatro melhores na 20ª edição do já inexistente torneio nacional. No Maracanã, o primeiro duelo acabou com um 3 a 0 em favor do Rubro-Negro, com gols de Romário (2x) e Sávio. No Morumbi, vitória corinthiana por 2 a 0, com gols de Túlio e Mirandinha. Com o 3 a 2 no agregado, o Flamengo avançou às semifinais.

4. Libertadores 2010

Na temporada de 2010, as equipes estiveram frente a frente pela única vez na história em disputa eliminatória da Libertadores. Na oportunidade, Corinthians e Flamengo decidiram quem avançaria à semifinal daquela edição da competição continental.

Depois de dois jogos bem duros, o Flamengo acabou levando a melhor. No Maracanã, cariocas e paulistas realizaram o primeiro dos embates. Com bastante chuva, o time da casa venceu pelo placar de 1 a 0, com gol marcado por Adriano Imperador, de pênalti.

Em desvantagem, o Corinthians jogaria em casa precisando vencer a partida por dois gols de diferença para se classificar ainda no tempo normal. David Braz marcou contra, deixando o Timão em vantagem. O torcedor que foi ao Pacaembu veria, ainda no primeiro tempo, Ronaldo estabelecer o 2 a 0 para o Alvinegro, placar que era suficiente para o time da casa se consolidar entre os quatro melhores do continente.

A festa do Corinthians acabou, porém, sendo ofuscada por Vagner Love: o gol do atacante que viria a ter passagem pelo Timão anos mais tarde decretou o placar final de 2 a 1 e, levando em conta o critério de gol fora, credenciaria o Rubro-Negro como o time que estaria na próxima fase.

5. Copa do Brasil 2018

A edição de 2018 da competição mais democrática do futebol brasileiro contou com novo encontro entre as suas potências nacionais. A primeira partida da semifinal daquele ano contou com um 0 a 0 que levou a decisão para a Arena Neo Química. Em casa, o Corinthians foi superior e venceu por 2 a 0 com gols de Danilo Avelar e Pedrinho, chegando à grande decisão contra o Cruzeiro.

6. Copa do Brasil 2019

Por fim, o Corinthians de Fábio Carille teve a missão de enfrentar a ótima equipe do Flamengo de Jorge Jesus nas oitavas da Copa do Brasil de 2019, mas os alvinegros não conseguiram fazer frente ao embalado rival rubro-negro. Com duas vitórias por 1 a 0, os cariocas avançaram de fase e deixaram os paulistas para trás no torneio. 

facebooktwitterreddit