Sport Recife

Quem é Gustavo Florentín, treinador anunciado pelo Sport Recife

Antonio Mota
Após saída de Umberto Louzer, o Sport Club do Recife decidiu apostar em Gustavo Florentín. Conheça-o.
Após saída de Umberto Louzer, o Sport Club do Recife decidiu apostar em Gustavo Florentín. Conheça-o. / Vizzor Image/Getty Images
facebooktwitterreddit

O Sport Club do Recife não perdeu tempo e poucos dias após demitir Umberto Louzer encontrou um novo treinador para a sequência da temporada. Na madrugada desta quinta-feira, 26, o Leão da Ilha utilizou suas redes sociais e anunciou o paraguaio Gustavo Florentín como o seu novo técnico para o seguimento de 2021.  

Em nota, o Rubro-Negro informou que ‘monitorava o treinador há algum tempo’ e que tinha o seu nome “como um dos escolhidos para ser avaliado de modo mais próximo dentro do nicho de treinadores estrangeiros em caso de mudança no comando técnico”. O clube também disse que gostou das conversas com o profissional e que ele se mostrou empolgado com a oportunidade.

Além disso, o Sport argumentou que Florentín tem um perfil condizente com o procurado pelo clube, além de ter levado vantagem por conta de sua adaptabilidade.

Quem é Gustavo Florentín, novo treinador do Sport?

Gustavo Florentín tem 43 anos e começou sua carreira em seu país natal, o Paraguai, onde foi jogador profissional e iniciou sua jornada como treinador. Ex-zagueiro, o técnico “tem por característica uma identidade que combina com o DNA rubro-negro, sendo conhecido por ser um técnico de perfil vibrante e que trabalha metodologicamente um estilo de jogo intenso e aguerrido”, diz nota do Sport.

Após pendurar as chuteiras, Florentín começou sua caminhada para se tornar treinador nas categorias de base do Cerro Porteño, do Paraguai. Em sua formação, o treinador também contou com professores renomados no mundo da bola, como Ramón Diaz, Miguel Angel Russo e Diego Simeone. E tudo isso o levou a treinar equipes tradicionais da América do Sul.

Florentín começou sua carreira de treinador principal no Cerro, onde trabalhou entre 2015 e 2017. Em seguida, o técnico passou por Deportivo Capiatá, Sportivo Luqueño, Guarani – onde conquistou a Copa Paraguai de 2018 – e Sol da América, todos do Paraguai, e também por Huachipato, do Chile, e, por último, The Strongest, da Bolívia.

Agora, no Sport, Florentín vai ter sua primeira experiência no Brasil e vai trabalhar para consolidar o seu nome na ‘nova safra de treinadores da América do Sul’. A expectativa é que ele desembarque em Recife nos próximos dias e que acompanhe in loco o Leão na partida contra a Chapecoense, sábado (28), às 17h (de Brasília), pelo Campeonato Brasileiro.

Vale frisar que Florentín vai trazer um preparador físico, um analista de desempenho e um auxiliar-técnico para o Sport.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit