Copa Libertadores

Quanto o Palmeiras vai ganhar de dinheiro por ser finalista da Libertadores?

Daniel Farias
Clube chega à segunda decisão consecutiva do torneio
Clube chega à segunda decisão consecutiva do torneio / Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

Boas campanhas em competições internacionais são muito importantes para a história de um clube. Entretanto, os benefícios delas não estão restritos apenas ao aspecto histórico, mas também estão relacionados a questões financeiras. No caso do Palmeiras, chegar à sua segunda final de Libertadores consecutiva é certamente um marco e traz consigo uma quantia considerável em termos de premiações.

A equipe paulista eliminou o Atlético-MG e garantiu vaga na grande decisão do torneio, que ocorrerá no dia 27 de novembro, em Montevidéu. O adversário será o já conhecido Flamengo. Teremos, portanto, o campeão da Libertadores de 2019 enfrentando o campeão da Libertadores de 2020. Certamente um dos jogos mais importantes da história do futebol brasileiro.

Palmeiras Libertadores Finanças Final Flamengo
Verdão está 'voando' quando o assunto é Libertadores / WASHINGTON ALVES/Getty Images

Independente do resultado da grande final, o Palmeiras terminará a Libertadores com um saldo muito positivo no aspecto financeiro. Até aqui, a equipe já faturou 7,55 milhões de dólares, relativos às fases pelas quais o time já avançou nesta edição. Além disso, a equipe já garantiu pelo menos mais seis milhões de dólares. Essa é a quantia a ser recebida pela equipe que for derrotada na final. Caso conquiste o bicampeonato, o Palmeiras receberia, em vez de seis, 15 milhões de dólares, que é o valor destinado ao clube campeão da Libertadores.

Dessa forma, a luta pela conquista rompe com as barreiras do aspecto da tradição e avança para outros campos, como o financeiro. Essas quantias interessam muito ao Palmeiras, pois podem ser de suma importância inclusive para a próxima temporada da equipe.

O Palmeiras foi líder do Grupo A na fase de grupos desta edição da Libertadores. As outras três equipes rivais eram: Defensa y Justicia, Independiente del Valle e Universitario. Nas oitavas de final o Porco eliminou o Universidad Católica. Já nas quartas de final, foi a vez da equipe deixar pelo caminho o seu rival, São Paulo. Por fim, nas semifinais, eliminou o Atlético-MG, que era considerado um dos favoritos ao título.

facebooktwitterreddit