Copa Libertadores

Qual foi o último campeão inédito da Libertadores?

Antonio Mota
O Athletico de Felipão pode alcançar feito que não acontece há oito anos na Libertadores.
O Athletico de Felipão pode alcançar feito que não acontece há oito anos na Libertadores. / Pedro Vilela/GettyImages
facebooktwitterreddit

O Athletico-PR vai disputar a sua segunda final da Conmebol Libertadores neste final de semana. No sábado, 29 de outubro, o Furacão vai a campo no Monumental de Guayaquil, no Equador, tentando desbancar o Flamengo e buscando 'quebrar barreiras' para chegar à tão sonhada Glória Eterna. A equipe, dentro das quatro linhas, vai poder atingir feito que não acontece há quase uma década.

Se levar a melhor e superar o rival do Rio de Janeiro, o Rubro-Negro Paranaense vai se tornar o primeiro campeão inédito da Libertadores desde 2014, ano que o San Lorenzo, da Argentina, surpreendeu potências e conquistou o principal troféu da América do Sul pela primeira vez – e única até aqui. De lá para cá, todos os campeões “apenas” reencontraram o título na copa.

Após o time do Papa, o troféu da Libertadores passou pelas mãos de: River Plate (2x: 2015 e 2018), Atlético Nacional-COL (2016), Grêmio (2017), Flamengo (2019) e Palmeiras (2x: 2020 e 2021). Todos esses times já tinham ao menos uma “passagem” pela Glória Eterna. Será que o Athletico-PR será o responsável por quebrar essa sequência dos “campeões”?

A última vez que o Furacão participou de uma final de Libertadores foi há mais de uma década e meia, em 2005. Na ocasião, o clube da Arena da Baixada encarou o São Paulo na decisão e ficou apenas com o vice-campeonato.

É válido mencionar que o último clube do Brasil a vencer a Libertadores pela primeira vez foi o Atlético-MG, em 2013. Antes, em 2012, foi o Corinthians quem conseguiu entrar para o grupo dos campeões da América.

Os campeões da Libertadores de 2014 para cá

2012: Corinthians – primeiro título
2013: Atlético-MG – primeiro título (último campeão inédito do Brasil)
2014: San Lorenzo – primeiro título (último campeão inédito)

2015: River Plate – terceiro título
2016: Atlético Nacional – segundo título
2017: Grêmio – terceiro título
2018: River Plate – quarto título
2019: Flamengo – segundo título
2020: Palmeiras – segundo título
2021: Palmeiras – terceiro título

facebooktwitterreddit