Brasileirao Série A

Quais as chances de rebaixamento de Grêmio e Bahia antes do confronto direto desta sexta-feira

Fabio Utz
Times estão no Z-4 e tentam subir na tabela
Times estão no Z-4 e tentam subir na tabela / Richard Ducker/FramePhoto/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Por qual razão o jogo entre Grêmio e Bahia se tornou um dos mais importantes desta reta final de Campeonato Brasileiro? Simples: os dois brigam ponto a ponto para ter fugir do Z-4 e, consequentemente, permanecer na primeira divisão. Só que a situação não é tão simples assim, e a dupla tem muita chance de sim, cair para a Série B.

Vamos aos números. O Bahia, que joga em casa a partir das 19h, está em 17º lugar com 37 pontos - ou seja, abre a zona de rebaixamento. Caso ganhe o duelo, vai ultrapassar o Juventude (16º, com 40 pontos) no número de vitórias e, assim, passar um final de semana tranquilo, fora da zona da degola - o rival gaúcho só entra em campo na terça-feira. No momento, a equipe de Salvador, conforme o site Infobola, possui 47% de chances de queda.

A situação do Grêmio é um pouco mais complicada. O clube aparece em 18º com 36 pontos e, mesmo que saia vencedor da Fonte Nova, não sairá do Z-4 - o máximo que conseguirá é ficar à frente do adversário desta sexta. A esta altura do Brasileirão, a possibilidade de rebaixamento alcança 85%. Alguém até pode se perguntar sobre o porquê de tanta diferença de percentual. E a resposta também está na ponta da língua. Os nordestinos, além de já se encontrarem em vantagem na tabela, ainda vão disputar cinco partidas, enquanto os gaúchos têm apenas quatro compromissos pela frente. Entendeu?

Para mais notícias do Bahia, clique aqui.

Para mais notícias do Grêmio, clique aqui.

facebooktwitterreddit