Atlético-MG - Contratações

Pedrinho é apresentado no Atlético-MG, mas só poderá estrear em agosto - entenda a situação

Wéverton Rodrigues
Meia-atacante foi revelado pelo Corinthians
Meia-atacante foi revelado pelo Corinthians / Alexandre Schneider/GettyImages
facebooktwitterreddit

Recém classificado para as quartas de final da Libertadores da América - terá pela frente o atual bicampeão Palmeiras -, o Atlético-MG apresentou, na manhã desta quinta-feira (7), Pedrinho, ex-Corinthians, Benfica e Shakhtar Donetsk. Contratado depois que uma resolução da Fifa permitiu a transferência de atletas que estavam atuando na Ucrânia e na Rússia - em razão dos conflitos armados entre os dois países -, o jogador chega como reforço importante para a temporada, sob contrato de empréstimo até junho de 2023. Acontece, porém, que o meia-atacante de 24 anos só estará liberado para a atuar em agosto.

Isso porque Pedrinho não poderá ser inscrito no próximo dia 18, data em que acontece a abertura da janela de transferências, mas, sim, apenas no dia 1º do mês que vem. Segundo informações dadas pelo Galo, a resolução, publicada pela Fifa e repassada para as confederações nacionais, faz referência a jogadores vindos da Ucrânia, caso em que se encaixa o jogador recém-contratado. Rodrigo Caetano, diretor de futebol do Galo, explicou a situação em entrevista coletiva.

"A última resolução da Fifa, que permite a inscrição para os atletas que estão em caráter de exceção, tanto na Ucrânia, como na Rússia, vale partir de 1º de agosto. É uma realidade que ocorreu nos últimos dois dias e que nós vamos ter que nos adaptar."

Rodrigo Caetano, diretor do Atlético-MG
FBL-UKR-SHAKHTAR-PLAYERS-PRESENTATION
Pedrinho acabou tendo poucas oportunidades no time ucraniano / SERGEI SUPINSKY/GettyImages

Como a data limite para inscrever novos atletas para o duelo contra o Palmeiras é 30 de julho, o Alvinegro Mineiro passa a ter uma dor de cabeça a mais.

"Já pensando principalmente no calendário relacionado à Copa Libertadores, nós vamos tentar de todas as formas, clube com o apoio e ajuda dos agentes do Pedrinho, encontrar uma solução para que ele possa, no mínimo, estar inscrito para as quartas de final da Libertadores."

Rodrigo Caetano, diretor do Atlético-MG
facebooktwitterreddit