Futebol Internacional

Paquetá fala sobre expectativas no West Ham e cita Copa do Mundo como sonho de criança: 'Vamos dar o melhor'

Antonio Mota
Lucas Paquetá fala sobre desafios no West Ham, expectativas para a temporada e destaca ‘sonho de criança’ na Copa do Mundo.
Lucas Paquetá fala sobre desafios no West Ham, expectativas para a temporada e destaca ‘sonho de criança’ na Copa do Mundo. / Marc Atkins/GettyImages
facebooktwitterreddit

Após temporadas de destaque no Lyon, da França, o meio-campista Lucas Paquetá aceitou convite do West Ham e se mudou para a Inglaterra. Aos 25 anos, o ex-Flamengo custou mais de R$ 300 milhões aos cofres dos Hammers e desembarcou com muita moral em Londres. A expectativa do camisa 11 agora é brilhar em campo e conquistar títulos com o uniforme da sua nova equipe.

“Estou muito feliz de estar vestindo as cores do West Ham, espero que seja uma temporada iluminada para todos nós”, declarou Paquetá, em conversa com a Betway. No bate-papo, o meio-campista da Seleção Brasileira ainda mostrou conhecer a história do time: "Quero começar pedindo a benção do Geoff Hurst, uma das lendas do clube”, iniciou, completando:

"A história do [West] Ham é muito linda e fizemos uma boa temporada no ano passado. "

acrescentou Paquetá.
Lucas Paqueta, meia do West Ham.
Paquetá chegou ao West Ham na última janela de transferências da Europa. / Visionhaus/GettyImages

Lucas ainda comentou sobre o apelido que carrega e lembrou das suas origens no Brasil. “Paquetá é o nome da Ilha no Rio de Janeiro onde nasci e cresci com a minha família, e a gente tem uma história muito bonita vindo de lá. Eu fico feliz de levar esse nome comigo”, lembrou. O meia ainda falou sobre os companheiros Maxwel e Emerson, que estão ajudando em sua adaptação.

"A gente já jogou junto no Lyon. São dois jogadores que eu já tenho uma intimidade, que vão me ajudar a me adaptar melhor. Sem falar na conexão dentro de campo também, que vai ajudar muito", garantiu.

Já em “casa” no West Ham, Paquetá acredita no grupo dos Hammers e nutre boas expectativas para a temporada. “São grandes jogadores, tivemos dois jogos difíceis contra o West Ham [na última Europa League] quando eu estava no Lyon e deu pra ver o quão qualificada a equipe é. Espero que a gente se conecte muito bem dentro de campo para fazer uma grande temporada”.

Mais, o camisa 11 espera ir longe na Conference League. "Uma equipe como o West Ham tem que entrar em todos os campeonatos para vencer e conquistar títulos. Eu tenho certeza que vamos dar o melhor para vencer a Conference e fazer com que o título venha para nós", emendou.

Ainda sobre o West Ham, Lucas Paquetá prometeu que ‘não vai faltar dedicação e esforço’ dentro das quatro linhas. Até aqui, o meia acumula cinco partidas com o novo uniforme.

Lucas Paqueta, meia do Brasil.
Paquetá é figurinha carimbada na Seleção Brasileira. / Buda Mendes/GettyImages

Em sua entrevista à Betway, o ex-Flamengo comentou sobre as expectativas para a Copa do Mundo. O meia hoje é peça-chave na Seleção Brasileira. "A gente vem construindo um trabalho muito bom na seleção e estamos nos passos finais da preparação para a Copa, que é um sonho de criança. Espero que eu seja chamado e faça um bom campeonato representando meu país", encerrou.

facebooktwitterreddit