Copa Libertadores

Palmeiras cai na Libertadores após três anos e rivais provocam com memes; confira

Bia Palumbo
Palmeiras viu o sonho do Mundial ser adiado mais uma vez após eliminação em pleno Allianz Parque
Palmeiras viu o sonho do Mundial ser adiado mais uma vez após eliminação em pleno Allianz Parque / Pedro Vilela/GettyImages
facebooktwitterreddit

A torcida lotou o Allianz Parque e o Palmeiras destruiu a vantagem do Athletico-PR em menos de três minutos, depois teve um jogador expulso, mas ainda assim conseguiu abrir 2 a 0 com gols de Gustavo Scarpa e Gustavo Gómez, resultado que classificaria para a terceira final consecutiva da Libertadores.

No entanto, desta vez o bicampeão sucumbiu à estratégia do experiente Luiz Felipe Scolari, o Felipão, que ironicamente levou o próprio Verdão à primeira conquista continental do torneio, em 1999 e 33 anos depois foi expulso na primeira semifinal por reclamar com a arbitragem. Então ele acompanhou à distância o seu time reagir nas condições adversas e orientou o auxiliar Paulo Turra a colocar em campo Pablo e David Terans, que balançaram as redes e o empate garantiu a segunda final da Libertadores da história do Furacão.

Finalista em 2005, o Athletico perdeu para outro rival brasileiro, o São Paulo, e agora pode repetir nova decisão nacional contra o Flamengo, que goleou o Vélez Sarsfield na Argentina e praticamente encaminhou a classificação.

Palmeiras fora da Libertadores; veja os memes

Quando é a final da Libertadores 2022?

O Athletico-PR vai decidir o título contra Flamengo ou Vélez Sarsfield, que se reencontram nesta quarta-feira (7) no Maracanã. Quem se classificar carimba o passaporte para Guayaquil (Equador), local escolhido pela Conmebol para receber a final da Libertadores deste ano em 29 de outubro. É jogo único, portanto em caso de empate no tempo normal haverá prorrogação e, se necessário, pênaltis.

Próximos jogos do Palmeiras?

Esta é a primeira vez que Abel Ferreira sofre uma eliminação da Libertadores. O alviverde sustentava campanhas vitoriosas desde 27 de Agosto de 2019, quando caiu para o Grêmio. A partir de agora, o português e sua comissão técnica concentram as forças no Campeonato Brasileiro, único título que eles ainda não conquistaram no país. Neste momento o clube lidera a competição com 51 pontos, sete a mais do que o Flamengo, 2º colocado.

facebooktwitterreddit