Os times com mais representantes na final da Copa do Mundo do Catar

Antonio Mota
Astros do PSG, Lionel Messi e Mbappé se enfrentarão na final da Copa do Mundo do Catar.
Astros do PSG, Lionel Messi e Mbappé se enfrentarão na final da Copa do Mundo do Catar. / FRANCK FIFE/GettyImages
facebooktwitterreddit

A final da Copa do Mundo do Catar vai reunir várias estrelas do esporte neste final de semana. No domingo, 18 de dezembro de 2022, Argentina e França medirão forças no Lusail Stadium, às 12h (de Brasília), pela grande decisão do Mundial. Vale o Tri tanto para o time de Lionel Messi quanto para o de Kylian Mbappé.

Em campo, além da Albiceleste e dos Bleus, outros times também serão representados. O Bayern de Munique e o Atlético de Madrid, por exemplo, marcarão presença na finalíssima com quatro jogadores cada. Esses são os times com mais jogadores na final. Outras equipes também estão nessa "disputa". Confira a lista abaixo:

Dayot Upamecano
Upamecano é um dos representantes do Bayern de Munique na final da Copa do Mundo. / Alexander Hassenstein/GettyImages

Os 14 times com representantes na final da Copa do Mundo do Catar

1. Bayern de Munique: 4 - Lucas Hernández, Benjamin Pavard, Dayot Upamecano e Kingsley Coman – todos do lado da França.
2. Atlético de Madrid: 4 – Nahuel Molina, Rodrigo De Paul e Ángel Correa (Argentina) e Antoine Griezmann (França).
3. Paris Saint-Germain: 3 – Lionel Messi (Argentina), Kylian Mbappé e Presnel Kimpembe (França).
- Real Madrid: 3 – Eduardo Camavinga, Aurélien Tchouaméni e Karim Benzema (França). Obs.:  esse último ainda está na lista francesa.
- Sevilla: 3 Gonzalo Montiel, Marcos Acuna e Alejandro Gomez (Argentina).
- Juventus: 3 –Leandro Paredes e Ángel Di María (Argentina) e  Adrien Rabiot (França).
7. Villarreal: 2 – Gerónimo Rulli e Juan Foyth (Argentina).
- Manchester United: 2 – Lisandro Martínez (Argentina) e Raphaël Varane (França).
- Olympique de Marseille: 2 – Matteo Guendouzi e Jordan Veretout (França).
- Benfica: 2 – Nicolás Otamendi e Enzo Fernández (Argentina).
- Real Betis: 2 – Germán Pezzella e Guido Rodríguez (Argentina).
- Barcelona: 2 – Jules Koundé e Ousmane Dembélé (França).
- Milan: 2 – Théo Hernandez e Olivier Giroud (França).
14. Tottenham: 2 – Cristian Romero (Argentina) e Hugo Lloris (França).

facebooktwitterreddit