Fluminense

Os números que provam que Luiz Henrique, do Fluminense, é um dos jovens mais promissores da Série A

Fabio Utz
Garoto deu passe para Cano virar jogo desta terça contra o Millonarios
Garoto deu passe para Cano virar jogo desta terça contra o Millonarios / Wagner Meier/GettyImages
facebooktwitterreddit

Fábio pode ter defendido um pênalti, David Braz pode ter balançado a rede, Cano também pode ter feito o gol dele. Mas aqui estamos para falar de Luiz Henrique. Com apenas 21 anos, o atacante que é revelação de Xerém tem mostrado por qual razão pode ser um parceiro e tanto para qualquer centroavante, o que o coloca entre os nomes mais promissores da Série A do futebol brasileiro.

Conforme números do SofaScore, Luiz Henrique é o maior assistente do Fluminense desde a temporada de 2021. O jovem acumula 63 jogos, sendo 47 como titular e, se não bastasse ter anotado sete gols, deu oito assistências para os companheiros deixarem as suas marcas - nesta terça-feira (22), quando o Flu ganhou por 2 a 1 do Millonarios na estreia da Libertadores, partiu de seus pés a bola que culminou na comemoração de Cano. O avante ainda é dono de nada menos que 47 passes decisivos.

Porém, as estatísticas vão mais além e mostram que ele também é um excelente driblador. Em 206 tentativas, levou a melhor em 131, o que representa 64% de aproveitamento. Além disso, tem contribuição tática relevante, sendo responsável por 94 desarmes no período. Se alguém tem dúvida do seu potencial, é melhor começara mudar de opinião.

Para mais notícias do Fluminense, clique aqui.

facebooktwitterreddit