Copa América Feminina

Os números da Seleção Brasileira, campeã com 100% de aproveitamento e sem sofrer gols na Copa América Feminina

Bia Palumbo
Brasil conquistou oito dos nove títulos na história da Copa América Feminina
Brasil conquistou oito dos nove títulos na história da Copa América Feminina / RAUL ARBOLEDA/GettyImages
facebooktwitterreddit

A soberania verde e amarela no continente foi renovada neste fim de semana, quando a Seleção Brasileira conquistou a Copa América Feminina em Bucaramanga, na Colômbia, em vitória suada sobre as donas da casa por 1 a 0, com gol de pênalti da atacante Debinha.

A Seleção Brasileira teve atuação discreta, sem repetir o desempenho que o consolidou com a melhor campanha da competição, e viu a torcida da casa lotar o Estádio Alfonso López para empurrar a seleção local. Para piorar, Angelina saiu de campo chorando ao lesionar o joelho em dividida ainda no primeiro tempo. Ela é considerada um dos pilares do time e a substituta Duda não conseguiu render.

1. Lorena, uma muralha

2. Debinha, a artilheira

3. A Seleção Brasileira

6 jogos
6 vitórias
100% de aproveitamento
20 gols marcados
0 gols sofridos

O Brasil na Copa América Feminina 2022

facebooktwitterreddit