Os destaques do Corinthians na virada sobre o Ituano, o primeiro jogo sem Sylvinho

Bia Palumbo
Róger Guedes passou em branco, mas foi bastante participativo e deu passe para gol
Róger Guedes passou em branco, mas foi bastante participativo e deu passe para gol / Alexandre Schneider/GettyImages
facebooktwitterreddit

Nada melhor do que uma vitória para espantar um princípio de crise. E o torcedor do Corinthians pode comemorar, porque mesmo jogando fora de casa o time que voltou a campo pela primeira vez após a demissão do técnico Sylvinho ganhou do Ituano por 3 a 2 neste domingo (6). E foi sofrido, visto que esteve atrás do placar duas vezes.

Neto Berola abriu o placar logo aos 6 minutos e Fábio Santos empatou aos 31, de pênalti, depois Cleberson fez o Galo ir para o vestiário com a vitória parcial, mas no segundo tempo o alvinegro retornou melhor, tanto que quatro das cinco finalizações foram após o intervalo, sendo duas delas certeiras, chute de Giuliano e cabeçada de Paulinho.

1. Paulinho

Principal contratação da temporada, ele novamente mostrou que tem estrela ao sofrer pênalti que resultou no gol de Fábio Santos e anotar o gol da vitória de cabeça, uma das características marcantes dele, que ainda foi advertido pela arbitragem porque se empolgou e tirou a camisa na comemoração.

2. Róger Guedes

O ponto alto do atacante foi a assistência para o gol de Giuliano, que empatou o jogo no início do 2º tempo, mas ele se movimentou bastante, incomodando a defesa do Galo de Itu principalmente pelo lado esquerdo, foi o mais 'caçado' do jogo, sofrendo quatro faltas.

3. Fábio Santos

Mesmo com a sombra de Lucas Piton, que começou a temporada como titular, e Bruno Melo, contratado após se destacar no Fortaleza, o lateral-esquerdo de 36 anos mostra que segue com o pé calibrado quando o assunto é cobrança de pênalti e neste confronto ele deu dois desarmes, acertou 106 passes e errou apenas dois. Os pontos a melhorar são cruzamentos - acertou apenas um dos três que tentou. Ele ainda recebeu um cartão amarelo no final da partida porque cometeu uma falta.

4. Fernando Lázaro

FBL-SUDAMERICANA-CORINTHIANS-HUANCAYO
Fernando Lázaro é filho de Zé Maria, ex-lateral e ídolo da Fiel / NELSON ALMEIDA/GettyImages


O auxiliar técnico foi escolhido para comandar a equipe até a contratação do novo treinador, algo que ainda não foi definido pela diretoria. Este foi o terceiro jogo dele sob comando do time profissional do Corinthians e em todas as oportunidades o alvinegro ganhou - 4 a 0 no River Plate (Uruguai) e 5-0 no Sport Huancayo (Peru), ambos pela Copa Sul-Americana, em maio de 2021.

facebooktwitterreddit