Os 5 melhores treinadores da carreira de Lionel Messi

Barcelona's coach Josep Guardiola (L) sp
Barcelona's coach Josep Guardiola (L) sp | JAVIER SORIANO/Getty Images

Entre Barcelona e Seleção Argentina, Lionel Messi trabalhou com mais de uma dúzia de treinadores diferentes, número alto devido à grande rotatividade na área técnica tanto do clube catalão, quanto da instável Albiceleste. Alguns eram verdadeiros 'marinheiros de primeira viagem', como Tito Vilanova e Diego Maradona, que apesar do status de 'semideus' em seu país, não deixou saudade à frente da Nacional. Mas quem foram os grandes nomes que tiveram oportunidade de trabalhar com o craque da camisa 10? Analisando carreira/relevância história, escolhemos os cinco principais:

5. José Pékerman

Argentinean coach Jose Pekerman (R) look
Argentinean coach Jose Pekerman (R) look | DANIEL GARCIA/Getty Images

O experiente e vitorioso treinador colombiano, que construiu uma bela trajetória em seleções de base, comandou a equipe principal da Argentina entre os anos de 2004 e 2006, substituído o então demitido Marcelo Bielsa. Entre os feitos mais importantes de sua carreira, está a conquista da vaga à Copa do Mundo de 2014 pela Colômbia, que vivia um jejum de 16 anos sem disputar um Mundial. A campanha no Brasil foi excelente, parando apenas nas quartas de final diante da nossa seleção.

4. Jorge Sampaoli

FBL-WC-2018-MATCH39-NGR-ARG
FBL-WC-2018-MATCH39-NGR-ARG | GIUSEPPE CACACE/Getty Images

Sim, o período de Sampaoli à frente da Argentina foi um fracasso retumbante, totalmente turbulento e decepcionante. Mas aqui estamos medindo carreira, e precisamos respeitar o comandante que liderou o Chile à maior conquista de sua história: a Copa América de 2015. Antes disso, teve anos espetaculares como treinador da Universidad de Chile, erguendo duas edições do Clausura e uma Sul-Americana. Hoje, brilha na nossa Série A.

3. Luis Enrique

Luis Enrique Martinez, Lionel Messi
FC Barcelona vs Deportivo Alaves - Copa Del Rey Final | Gonzalo Arroyo Moreno/Getty Images

Apesar de não ter sido uma unanimidade no Camp Nou, Luis Enrique foi o único treinador que conseguiu 'fincar raízes' no Barcelona após a saída de Guardiola. Foram três anos à frente da equipe catalã, conquistando um total de nove títulos: duas edições de LaLiga, três Copas do Rei, uma Supercopa da Espanha, uma Champions, uma Supercopa Europeia e um Mundial de Clubes. Vem liderando o processo de renovação na Fúria, comandando a seleção nacional desde 2019.

2. Frank Rijkaard

FC Barcelona's Dutch coach Frank Rijkaar
FC Barcelona's Dutch coach Frank Rijkaar | JOSEP LAGO/Getty Images

Excelente dentro das quatro linhas, o holandês foi importantíssimo para a retomada de prestígio pelo Barcelona na virada do milênio. Escolhido como treinador da equipe principal em 2003, teve uma primeira temporada abaixo, mas foi solidificando, pouco a pouco, uma filosofia de jogo e qualificando cada vez mais o elenco que tinha em mãos. Foi o responsável por lançar Messi profissionalmente e conduziu o clube à tão sonhada taça da Champions, que não vinha desde 1991/92. Em entrevista concedida em 2006, Messi afirmou que Rijkaard foi o 'treinador mais importante de sua carreira'.

1. Pep Guardiola

Barcelona's coach Josep Guardiola (R) ce
Barcelona's coach Josep Guardiola (R) ce | JAVIER SORIANO/Getty Images

O dono da primeira posição deste ranking não poderia ser outro. Para muitos, Guardiola é o maior treinador deste século, não somente por empilhar taças ao longo de sua carreira, mas por conseguir fazê-lo se mantendo fiel às suas ideias e filosofia de futebol. O catalão revolucionou o jogo e fez o mundo se render aos seus pés logo em sua primeira temporada como técnico de uma equipe profissional, levando o Barça ao sexteto em 2009. Sua capacidade de adaptação a novos ambientes vem sendo testada em cada mudança de equipe, e ainda assim ele prevalece: foi dominante com o Bayern na Alemanha e mudou o patamar do Manchester City na Inglaterra.