Listas

Os 5 jogadores com mais partidas oficiais pelo Corinthians

Lucas Humberto
Ídolo absoluto, Cássio segue quebrando seus próprios recordes pelo Corinthians
Ídolo absoluto, Cássio segue quebrando seus próprios recordes pelo Corinthians / LUIS ROBAYO/GettyImages
facebooktwitterreddit

A vitória do Corinthians sobre o Flamengo no último domingo, 10, teve vários significados: a volta do Timão para a vice-liderança do Brasileirão, o fim do jejum de nove jogos sem vencer o rubro-negro, a recuperação depois de ser goleado pelo Fluminense, além de duas marcas históricas individuais. Fábio Santos chegou ao seu compromisso de número 300 pelo Alvinegro. Cássio, 600.

Fundamental no triunfo, o camisa 12 tornou-se o quarto atleta com mais partidas oficiais pelo Corinthians na história. Muito em breve, o ídolo irá assumir a vice-liderança do ranking. A ponta será complicado e nós te mostramos o porquê a seguir.

1. Wladimir - 806 jogos

Filho do Terrão, Wladimir é considerado o maior lateral-esquerdo de todos os tempos do Parque São Jorge. Sempre imprescindível, o atleta era conhecido pela raça, liderança, técnica e dedicação dentro das quatro linhas. Não por acaso esteve entre os pilares da Democracia Corinthiana. Sagrou-se tetracampeão paulista.

2. Luizinho - 606 jogos

Titular absoluto em mais de uma década de Corinthians, o Pequeno Polegar, como era chamado, conquistou um legião de admiradores. Com lugar garantido entre os nomes mais habilidosos que passaram pelo Parque São Jorge, Luizinho tinha entre seus trunfos a velocidade e a capacidade de drible. Foi tricampeão paulista e tricampeão do Torneio Rio-São Paulo.

3. Ronaldo Giovanelli - 602 jogos

Se você cresceu nos anos 90, certamente ouviu bastante o nome de Ronaldo. Considerado para muitos o maior goleiro da história do Timão, o ídolo de temperamento complexo fazia parte do plantel na conquista do Brasileirão de 1990. Ele também sagrou-se tricampeão paulista e venceu a Copa do Brasil de 1995.

4. Cássio - 600 jogos

Cássio, goleiro do Corinthians
Cássio segue se reinventando no Timão / LUIS ROBAYO/GettyImages

Dispensa apresentações, certo? Futuro vice-líder do ranking, Cássio assumiu a titularidade em 2012 e não largou mais. E, se depender do momento atual, não larga tão cedo. "Chegar a 600 jogos com uma camisa como essa é para poucos", celebrou o camisa 12.

5. Zé Maria - 598 jogos

A história de Zé Maria é em si uma declaração de amor ao Timão. A raça era tanta que coube ao inesquecível lateral-direito protagonizar uma das cenas mais emblemáticas do clube. Mesmo com a camisa ensanguentada por um ferimento no supercílio, o atleta voltou a campo. Foi tetracampeão paulista e símbolo de toda uma geração.

facebooktwitterreddit