Futebol Internacional

Os 5 clubes europeus que mais decepcionaram neste mercado de inverno

Antonio Mota
O Arsenal não foi bem no mercado da bola de janeiro.
O Arsenal não foi bem no mercado da bola de janeiro. / GLYN KIRK/GettyImages
facebooktwitterreddit

Junto com o mês de janeiro, na última segunda-feira, 31, chegou ao fim a janela de transferências do inverno da Europa. Com isso, os clubes não têm mais para onde correr: agora é trabalhar com o elenco disponível até o final da temporada. O cenário, porém, não é bom para muitas equipes, que deveriam ter aproveitado melhor os últimos 30 dias do mercado da bola. A seguir, veja os 5 clubes europeus que mais decepcionaram neste mercado de inverno.

1. Arsenal

Mikel Arteta Arsenal
E agora, Arteta? O Arsenal não foi bem no mercado. / Julian Finney/GettyImages

O Arsenal não se movimentou como os fãs gostariam nesta primeira janela de transferências de 2022 – segunda e última da temporada. Nos últimos 31 dias, os Gunners foram associados a vários jogadores, mas acabaram conseguindo apenas um reforço: Auston Trusty, do Colorado Rapids, da MLS – e esse chegará apenas no meio do ano.

Por outro lado, o clube “perdeu” Pablo Marí, ex-Flamengo, e outras opções de banco. E ainda deve deixar Aubameyang escapar.

2. Milan

Stefano Pioli Milan
O Milan ficou atrás de rivais diretos da Serie A no mercado. / Emilio Andreoli/GettyImages

Embora esteja apenas em terceiro na Serie A Italiana, o Milan não mostrou grandes ambições no mercado da bola. Ao contrário. Nas últimas semanas, o tradicional clube do San Siro não encontrou um “defensor completo”, como queria o técnico Stefano Pioli, nem buscou nenhuma peça para dar uma resposta imediata no restante da temporada.

O jovem Marko Lazetic, ex-Estrela Vermelha, foi a aposta da janela.

3. Borussia Dortmund

Marco Rose Borussia Dortmund
O Borussia Dortmund poderia ter se movimentado melhor nos últimos 30 dias. / Stuart Franklin/GettyImages

Jogou a toalha? Vice-líder da Bundesliga e nas oitavas de final da Europa League, o Borussia Dortmund não se reforçou na última janela de transferências. Marco Rose certamente gostaria de novos pulmões para oxigenar o vestiário no BVB na perseguição ao arquirrival Bayern de Munique.

A expectativa era que o clube fosse mais ousado e tivesse buscado ao menos reforços pontuais nas últimas semanas.

4. Roma

Roma Mercado Mourinho
A Roma ficou devendo no mercado da bola. / Gabriele Maltinti/GettyImages

José Mourinho chegou à Roma no início da temporada e pediu vários reforços, mas, até o momento, não foi atendido como gostaria. Nesta janela de transferências, por exemplo, o badalado treinador conseguiu apenas duas contratações e nenhuma com grandes projeções.

Os novos reforços do Special One: Sérgio Oliveira, do Porto, e Ainsley Maitland-Niles, do Arsenal, ambos por empréstimo.

5. Napoli

Luciano Spalletti Napoli
A Napoli poderia ter sido mais arrojada nesta janela de transferências. / MB Media/GettyImages

Apesar de seguir firme na perseguição ao líder Inter de Milão, o Napoli não anunciou grandes reforços no último mercado da bola. Na verdade, o técnico Luciano Spalletti ganhou apenas um novo zagueiro para a reta final da temporada: Axel Tuanzebe, por empréstimo do Manchester United.

Será o suficiente para o clube buscar o troféu nacional?

facebooktwitterreddit