Listas

Os 5 centroavantes mais letais do futebol brasileiro dentro da grande área

Nathália Almeida
Pedro é letal na grande área
Pedro é letal na grande área / Buda Mendes/Getty Images
facebooktwitterreddit

"Uma chance é suficiente para guardar o dele"

Hoje é dia de exaltarmos os especialistas da grande área, artilheiros que chamam atenção pela frieza diante do goleiro adversário.

Letais, cirúrgicos, precisos: confira 5 centroavantes que não costumam precisar de mais de uma chance para balançar as redes rivais.


5. Hulk

Hulk
Hulk atua centralizado e também pelo lado, dependendo do esquema / Pool/Getty Images

Pensamos muito sobre a presença dele neste artigo, já que o camisa 7 do Galo é um atacante "híbrido": por vezes joga na referência, centralizado; em outras, atua como segundo atacante no esquema de 3-5-2.

De qualquer forma, Hulk merece sua posição aqui: tornou-se um exímio finalizador com o passar dos anos, sendo muito raro vê-lo perdendo uma oportunidade clara frente a frente com o goleiro rival.

4. Fred

Fred
Fred ainda é especialista na arte de fazer gols / Buda Mendes/Getty Images

As últimas semanas não têm sido fáceis para ele, mas o início de temporada de Fred pelo Fluminense provou que, mesmo aos 37 anos, o centroavante não desaprendeu a arte que domina desde o início da carreira: fazer gols.

O camisa 9 precisa ser constantemente "alimentado" e isso às vezes é um desafio nas Laranjeiras mas, quando a bola chega, 99% de chance de morrer no fundo das redes.

3. Pedro

Pedro
Pedro não costuma precisar de duas chances pra guardar uma / Buda Mendes/Getty Images

Gabriel Barbosa é o grande goleador e o grande ídolo do atual elenco do Flamengo. Mas quando falamos de precisão frente ao gol adversário, Pedro leva a melhor em relação ao seu companheiro de posição.

O reserva rubro-negro tem um índice superior de aproveitamento em chances de gol, até por ser um camisa 9 mais "tradicional" que Gabigol, jogador que se movimenta demais, o tempo inteiro.

2. Gilberto

Gilberto
Gibagol tem um nível de aproveitamento altíssimo / Wagner Meier/Getty Images

A evolução de Gilberto é um caso muito interessante e parece ter muito a ver com o ambiente propício que há no entorno dele, no Bahia. Torcidas de Vasco e São Paulo não se lembram do camisa 9 como um "centroavante letal", mas em Salvador, ele é.

Identificado com o clube e muito à vontade com a camisa do Esquadrão, tem desandado a fazer gols nos últimos tempos. É o atual artilheiro da Série A do Brasileirão.

1. Germán Cano

german cano vasco
Cano tem faro de gol apuradíssimo / DANIEL JAYO/Getty Images

A primeira posição deste artigo não poderia ser de outro jogador.

Se o Vasco da Gama pode se orgulhar de algum "tiro certo" de mercado nos últimos anos, ele atende por Germán Cano. Inteligente, oportunista, sempre atento e bem posicionado, chama muita atenção pela frieza diante do gol e pela regularidade.

A esperança em São Januário pelo retorno à elite nacional passa diretamente pelos pés do argentino.

facebooktwitterreddit