Copa Libertadores

Os 3 jogadores mais decisivos do Flamengo nas semifinais contra o Barcelona-EQU

Nathália Almeida
Bruno Henrique foi decisivo, de novo
Bruno Henrique foi decisivo, de novo / Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

Classificado, e com louvor.

Fazendo valer sua condição de amplo favorito no confronto, o Flamengo passou por cima do Barcelona-EQU nas semifinais da Conmebol Libertadores, impondo um placar agregado de 4 a 0, sólido e maduro como este elenco montado pelo clube ao longo dos últimos anos.

Isso não significa que o Rubro-Negro encontrou vida fácil diante do rival equatoriano, muito pelo contrário: diante do abismo financeiro existente entre as duas equipes hoje, pode-se dizer que o clube de Guayaquil fez bom papel na eliminatória. Contudo, quando se enfrenta um adversário tão poderoso, dono do elenco mais valioso das Américas, é preciso ser perfeito.

Levando em consideração as duas partidas das semifinais, elencamos, a seguir, os 3 jogadores mais decisivos do Flamengo contra o Barcelona:


3. Everton Ribeiro

Everton Ribeiro
Everton Ribeiro foi o grande nome da partida em Guayaquil / Wagner Meier/Getty Images

O capitão rubro-negro fez uma boa partida na semana passada, no Maracanã, mas entra nesta pequena seleção por conta de sua atuação em Guayaquil. Incansável, o camisa 7 esteve em todos os lugares do campo na partida desta quarta: cumpriu funções defensivas, pensou o jogo, distribuiu belos passes e participou diretamente dos dois gols rubro-negros, dando duas assistências.

Possivelmente, a melhor exibição de Everton Ribeiro na temporada.

2. Diego Alves

Diego Alves
Diego Alves esteve sublime na eliminatória / Buda Mendes/Getty Images

Os dois clean-sheets na eliminatória podem passar a impressão de que o Barcelona não incomodou o Flamengo nas duas partidas, mas esta é uma conclusão falsa, que não condiz com a realidade do confronto: a equipe equatoriana foi valente e teve volume alto de chances criadas, mas não conseguiu superar uma barreira intransponível chamada Diego Alves.

Sublime nos dois confrontos, o experiente arqueiro rubro-negro terminou o confronto com mais de dez defesas importantes realizadas.

1. Bruno Henrique

Bruno Henrique
Bruno Henrique foi o cara do Flamengo nas semifinais / Franklin Jacome/Getty Images

Bruno Henrique foi responsável por 100% dos gols do Flamengo no confronto, ou seja, não tinha como a primeira posição deste artigo ser destinada a outro jogador. Inspirado e iluminado, balançou as redes de todos os jeitos possíveis, mostrando oportunismo e muita presença de área. Esteve na hora certa e no lugar certo em todos os momentos mais agudos dos dois jogos.

Tem uma relação muito especial com a Copa Libertadores vestindo a camisa rubro-negra.

facebooktwitterreddit