São Paulo

"Onde não chegam as pernas, chegará o coração": famosa frase de Crespo é apagada de vestiário do São Paulo

Daniel Farias
Hernán Crespo chegou ao Brasil em fevereiro e ficou oito meses como técnico do São Paulo
Hernán Crespo chegou ao Brasil em fevereiro e ficou oito meses como técnico do São Paulo / ANDRE PENNER/GettyImages
facebooktwitterreddit

O São Paulo anunciou a saída do técnico argentino Hernán Crespo na última quarta-feira (13). Ele comandou o tricolor em 57 partidas, durante oito meses, e neste período uma frase dita pelo treinador em um trabalho anterior ao São Paulo havia sido gravada no vestiário da equipe. "Onde não chegam as pernas, chega o coração", porém, foi apagada do local.

A diretoria do São Paulo informou que o texto será colocado em outro espaço, ao lado de outras importantes falas de personagens da história do clube. A justificativa dada pelo clube é que trata-se de uma reforma visual no vestiário, que inclusive já estava programada antes da saída do treinador. É importante destacar que, embora a frase tenha sido dita quando o técnico ainda comandava o Defensa y Justicia, ela tornou-se um dos lemas do trabalho do argentino na equipe paulista.

Hernán Crespo como técnico do São Paulo
Crespo foi campeão na Argentina e assumiu o cargo no São Paulo após a demissão de Fernando Diniz / Felipe Espindola/saopaulofc

De acordo com dados divulgados pelo SofaScore Brazil, Hernán Crespo deixou o clube paulista com 54,4% de aproveitamento de um total de 57 partidas, além de um título conquistado (Campeonato Paulista 2021). O ex-centroavante chegou ao Morumbi em fevereiro de 2021 como substituto do contestado Fernando Diniz, ajudou o clube a abandonar um jejum de conquistas que durou nove anos e saiu cerca de oito meses depois. Esse foi o primeiro trabalho do treinador no futebol brasileiro.

O São Paulo agiu rápido na busca por um substituto e acertou a contratação do ídolo Rogério Ceni. O ex-goleiro já comanda a equipe nesta quinta-feira (14), em confronto contra o Ceará, pela 26ª rodada do Brasileirão Série A, no Morumbi, às 19h (de Brasília).

A expectativa dos torcedores são-paulinos é que a famosa frase de Crespo permaneça viva nos jogadores e que a equipe retome os bons caminhos nesta temporada. Mais perto da zona de rebaixamento do que do G6 durante todo o campeonato nacional, o tricolor ocupa atualmente a 13ª colocação na tabela, com 30 pontos conquistados em 25 partidas.

facebooktwitterreddit