Listas

Oito jogadores da atualidade que vão deixar um legado inquestionável no futebol

Cristiano Ronaldo e Lionel Messi na premiação Fifa The Best
Cristiano Ronaldo e Lionel Messi na premiação Fifa The Best / AFP Contributor/GettyImages
Este artigo é trazido a você por:
Jurassic World: Domínio
facebooktwitterreddit

Vivemos a primeira era do futebol que conseguiu atrair audiências globais a cada jogo (pelo menos os profissionais) com transmissões por todo o planeta. E ainda fomos abençoados por testemunhar alguns dos maiores jogadores de todos os tempos jogando em seus auges.

Aqui estão oito dos melhores atletas que, inquestionavelmente, vão deixar um legado no futebol.

1. Neymar

Neymar, atacante do PSG
Neymar, camisa 10 do Paris Saint-Germain / Eurasia Sport Images/GettyImages

Sim, o legado de Neymar ainda está manchado e pode nunca ser totalmente recuperado, mas ainda assim é um legado.

O segundo maior artilheiro da seleção brasileira (somente seis gols atrás de Pelé na seleção, o que não é nada fácil) é também o jogador desta geração que chegou mais próximo de Ronaldinho, mas as comparações com o campeão do mundo em 2002 e vencedor da Bola de Ouro em 2005 não o ajudaram.

Ainda assim, Neymar carregou o Santos ao título da Copa Libertadores em 2011, fez parte do formidável trio de ataque do Barcelona - o MSN - que conquistou a Champions League em 2015 e ainda deve ser um dos jogadores mais caros do mundo nos próximos anos. Nada mal. 

2. Kylian Mbappé

Kyllian Mbappé, atacante do Paris Saint-Germain, PSG
Com apenas 23 anos, Kyllian Mbappé já empilha títulos com o PSG e com a seleção da França / PATRICK HERTZOG/GettyImages

O astro e companheiro de Neymar no PSG Kylian Mbappé também está construindo uma carreira impressionante. 

Quando ainda era um adolescente, o atacante foi um dos melhores jogadores da seleção francesa que conquistou a Copa do Mundo em 2018. Ele tem uma linha de roupas exclusivas com a Nike e também uma comemoração que já virou marca registrada.

Ainda com 23 anos, Mbappé é uma aposta segura para vencer algumas Bolas de Ouro no futuro (se continuar sem lesões), mas, mesmo se, por acaso, resolver se aposentar hoje, ainda vai ser lembrado como um dos grandes.

3. Luka Modric

Luka Modric, meia do Real Madrid
Luka Modric foi o responsável por quebrar a hegemonia de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi na premiação de melhor do mundo / Denis Doyle/GettyImages

Enquanto Neymar e Mbappé ainda sonham com a Bola de Ouro, um homem que já conquistou o prêmio é a lenda do Real Madrid, Luka Modric.

O croata conseguiu quebrar o monopólio da dupla Lionel Messi e Cristiano Ronaldo em 2018, depois de liderar seu país pela primeira vez até a final da Copa do Mundo, na Rússia.

Recentemente, Modric ganhou ainda mais pontos como um dos maiores jogadores da história da Champions League, algo inimaginável para alguém que havia recebido votos como a pior contratação de La Liga na temporada 2012-13. No entanto, o camisa 10 ainda tem inúmeros admiradores da época em que brilhava na Premier League, quando era um dos heróis improváveis do Tottenham, ao lado de Gareth Bale.

4. Sergio Ramos

Sergio Ramos, zagueiro do PSG
Um dos melhores zagueiros do mundo e, ainda por cima, artilheiro. Sergio Ramos marcou a história do Real Madrid e hoje defende o PSG / Eurasia Sport Images/GettyImages

Ex-companheiro de time de Modric, Sergio Ramos tem uma das maiores coleções de gols decisivos da história - e é um zagueiro!

A resiliência e o histórico de Ramos nos grandes jogos ajudam a explicar o Real Madrid da década de 2010. É muito improvável que apareça outro zagueiro com mais momentos marcantes do que o espanhol. 

5. Giorgio Chiellini

Giorgio Chiellini, zagueiro da Juventus e da seleção italiana
Giorgio Chiellini foi o capitão da seleção italiana que venceu a Eurocopa em 2020 / Visionhaus/GettyImages

De alguma forma, Giorgio Chiellini é quase um anti-Ramos.

O italiano tem menos da metade dos gols do espanhol na carreira, mas se consolidou como um dos zagueiros mais marcantes desta geração, justamente pelo impacto na defesa.

Chiellini é uma espécie de garoto-propaganda dos zagueiros experientes que conhecem os atalhos defensivos - e mesmo com inúmeras conquistas com a Juventus, viveu o grande momento de glória na carreira na Euro 2020, quando liderou a Itália ao título de campeã da Europa. 

6. Manuel Neuer

Manuel Neuer, goleiro do Bayern de Munique e da seleção da Alemanha
Manuel Neuer é um dos goleiros mais completos da história do futebol / Alexander Hassenstein/GettyImages

Manuel Neuer pode não ter sido o primeiro goleiro a ajudar como líbero na defesa ou a dominar o jogo também com a bola nos pés, mas é certamente aquele que aperfeiçoou essas habilidades.

A lenda do Bayern de Munique joga com uma personalidade que não aparecia em um goleiro desde Peter Schmeichel, que liderava e comandava a seleção da Dinamarca e o Manchester United de forma única.

Com uma carreira repleta de conquistas, Neuer é também um dos únicos goleiros da história a ter várias (talvez centenas) de fotos posicionado na própria intermediária ou até mesmo dentro do campo de defesa do time rival. 

7. Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo, Portugal, Manchester United, CR7
Cristiano Ronaldo tem cinco Bolas de Ouro na carreira / Gualter Fatia/GettyImages

É claro que ele estaria na lista.

Você pode usar qualquer estatística incrível ou alguma das inúmeras premiações de Cristiano Ronaldo ao longo da carreira para comprovar que seu legado é inquestionável. Mas, provavelmente, o maior argumento que você pode usar é que ele é - pelo menos em jogos oficiais - o maior artilheiro da história do esporte. 

A não ser que Messi volte a jogar no mesmo nível de outras temporadas e continue ativo até os 50 anos, esse recorde não deve ser quebrado tão cedo. E por falar nisso…

8. Lionel Messi

Lionel Messi, Argentina, seleção argentina, melhor do mundo
Lionel Messi levou a seleção argentina ao título da Copa América de 2021 / Alexandre Schneider/GettyImages

Lionel Messi e Cristiano Ronaldo não foram apenas os melhores desta geração. Eles dominaram uma era.

Compará-los a outros jogadores - mesmo àqueles que eram muito, muito bons - é até uma injustiça. E compará-los a jogadores do futuro também vai ser.

Eles dominaram o futebol mundial por muitos tempo, quebraram recordes, alcançaram marcas inimagináveis e serão lembrados, principalmente, como vencedores.


Este artigo é trazido a você por Jurassic World: Domínio.

Em junho, vivencie o final épico da era jurássica, com duas gerações se unindo pela primeira vez. Chris Pratt e Bryce Dallas Howard são acompanhados pela vencedora do Oscar® Laura Dern, Jeff Goldblum e Sam Neill em Jurassic World: Domínio, uma nova aventura ousada, atemporal e de tirar o fôlego que abrange o mundo.

Assista ao trailer.

facebooktwitterreddit